Clique Aqui Trânsito em SP - Página 33

Lista de Usuários Marcados

Página 33 de 50 PrimeiroPrimeiro ... 23313233343543 ... ÚltimoÚltimo
Resultados 321 a 330 de 492
Like Tree663Likes

Tópico: Trânsito em SP

  1. #321
    World Class Avatar de Cão
    Data de Ingresso
    01/10/07
    Localização
    Beira Rio
    Posts
    19.743
    Pelo visto. Quem mantem a babá em pé eh a crianca e nao os pais. Lol
    lagostinha likes this.
    Registre-se ou faça login para ver assinaturas.

  2. #322
    World Class Avatar de ekalil
    Data de Ingresso
    24/02/08
    Localização
    São Paulo
    Posts
    27.212
    Citação Postado originalmente por phelps Ver Post
    Citação Postado originalmente por ekalil Ver Post
    Citação Postado originalmente por phelps Ver Post
    bom, eu também acho que a babá não tem necessidade nenhuma de ficar em pé ali pra fazer um bom trabalho, ao contrário do garçom que tem que caminhar.

    não gosto da atitude de manter a babá em pé.

    agora eu estou tentando entender aonde que o Sam Farha deduziu que os caras que pensam que não tem nada demais em deixar a babá de pé já que ela está trabalhando pensam isso que ele escreveu sobre a violência...

    alguém me explica a lógica do Sam Farha por favor.
    Cara, eh obvio que ela nao tem que ficar de pe, mas ate onde a gente sabe, ninguem obrigou ela a ficar de pe tb. Foi so uma cena que o Irineu viu po. Ela podia estar fazendo a crianca dormir, pode ter levantado pra ficar mais facil de tomar conta da crianca, sei la.

    Se o casal realmente obriga a mina a ficar em pe e nao deixa ela sentar, logico que vai ser escroto ne? Isso acho que nem tem como discutir.

    O que incomodou ele, aparentemente, foi que o casal comia tranquilamente, enquanto a baba trabalhava, mas o casal esta pagando o salario dela exatamente pra ter essa tranquilidade, nao?
    mas eu entendo teu ponto e concordo contigo.

    o que eu tentei passar é bem no sentido do teu segundo parágrafo, faltou eu completar que "não gosto da atitude de manter a babá em pé", desnecessariamente.

    mas acho que isso ficou meio implícito quando eu disse por exemplo que ninguém vai reclamar que o garçom está trabalhando em pé, até porque é impossível ele trabalhar sentado. Já a babá muitas vezes não vai precisar ser obrigada a ficar em pé.

    E a imagem que eu tenho da babá em pé foi em relação ao que o JoseIrineu viu e interpretou quando estava lá, já que nós não estávamos.

    E pelo jeito o que ele achou pode muito fácil ser diferente do que eu acharia se tivesse visto a mesma cena.
    Bom, se um dia o Irineu voltar no topico ele pode dar mais detalhes da cena, pra gente nao ficar discutindo a toa...lol
    phelps likes this.
    Registre-se ou faça login para ver assinaturas.

  3. #323
    Professional Avatar de clay
    Data de Ingresso
    02/12/12
    Posts
    484
    Citação Postado originalmente por RafaelRJ Ver Post
    Citação Postado originalmente por Sam Farha - Spinoza Ver Post
    Citação Postado originalmente por ekalil Ver Post
    Citação Postado originalmente por Sam Farha - Spinoza Ver Post
    Sobre a materialidade e racionalidade do capital finaceiro contemporâneo você só precisa demonstrar que o seu uso e suas expectativas tem conexão com a produção de riquezas mesmo.
    Até hoje, isso não é tão claro pra mim não.
    Bom, eu ja falei ali em cima, mas vamos tentar deixar mais claro:

    Quando o mercado vai precificar uma empresa, a grosso modo, ele olha pro futuro, faz uma estimativa de quais serao as suas receitas, e traz a valor presente.

    No caso do Eike, as empresas nao geravam grande receita no momento atual (ate onde sei), mas esperava-se que nos proximos anos (ou decadas) elas fossem extrair mto petroleo, minerio de ferro e o diabo a quatro.

    Entao, mesmo que agora elas nao produzissem riqueza, todo mundo acreditava que elas fossem produzir mta riqueza no futuro.

    Como falei, isso acontece o tempo todo no mercado financeiro. No caso do Eike, as expectativas estavam erradas e quando o mercado reviu isso, o preco das empresas foi la pra baixo.

    Que parte disso nao eh clara pra vc?
    A parte que o mercado age em conexão com o progresso da população mundial ... ou a idéia de que o livre mercado tem em si todo os mecanismos de aperfeiçoamento disso ... ou a idéia de que a estabilidade monetária e o controle de gastos são parte dessa idéia de autoregulação com fins progressivos globais.
    Todavia, o desafiador cenário globalizado ainda não demonstrou convincentemente que vai participar na mudança do fluxo de informações. Caros amigos, o entendimento das metas propostas exige a precisão e a definição de todos os recursos funcionais envolvidos. Percebemos, cada vez mais, que o fenômeno da Internet apresenta tendências no sentido de aprovar a manutenção do sistema de formação de quadros que corresponde às necessidades. Pensando mais a longo prazo, a consolidação das estruturas maximiza as possibilidades por conta dos relacionamentos verticais entre as hierarquias.

    Neste sentido, o desenvolvimento contínuo de distintas formas de atuação faz parte de um processo de gestão dos procedimentos normalmente adotados. O cuidado em identificar pontos críticos na determinação clara de objetivos agrega valor ao estabelecimento do investimento em reciclagem técnica. O incentivo ao avanço tecnológico, assim como a percepção das dificuldades pode nos levar a considerar a reestruturação do retorno esperado a longo prazo. A prática cotidiana prova que o julgamento imparcial das eventualidades não pode mais se dissociar do impacto na agilidade decisória. Podemos já vislumbrar o modo pelo qual a constante divulgação das informações desafia a capacidade de equalização do levantamento das variáveis envolvidas.

    Acima de tudo, é fundamental ressaltar que o início da atividade geral de formação de atitudes cumpre um papel essencial na formulação dos índices pretendidos. No entanto, não podemos esquecer que o surgimento do comércio virtual representa uma abertura para a melhoria das posturas dos órgãos dirigentes com relação às suas atribuições. Ainda assim, existem dúvidas a respeito de como o acompanhamento das preferências de consumo prepara-nos para enfrentar situações atípicas decorrentes das diversas correntes de pensamento.

    Evidentemente, a competitividade nas transações comerciais facilita a criação das diretrizes de desenvolvimento para o futuro. A nível organizacional, a complexidade dos estudos efetuados causa impacto indireto na reavaliação da gestão inovadora da qual fazemos parte. O que temos que ter sempre em mente é que a valorização de fatores subjetivos possibilita uma melhor visão global do processo de comunicação como um todo. Nunca é demais lembrar o peso e o significado destes problemas, uma vez que a consulta aos diversos militantes acarreta um processo de reformulação e modernização do sistema de participação geral. Assim mesmo, a expansão dos mercados mundiais talvez venha a ressaltar a relatividade das regras de conduta normativas.

    Gostaria de enfatizar que o aumento do diálogo entre os diferentes setores produtivos garante a contribuição de um grupo importante na determinação de alternativas às soluções ortodoxas. A certificação de metodologias que nos auxiliam a lidar com a crescente influência da mídia aponta para a melhoria do orçamento setorial. Por conseguinte, o comprometimento entre as equipes assume importantes posições no estabelecimento das direções preferenciais no sentido do progresso.
    o bagulho que esses caras fumam é bom demais hehehe
    Registre-se ou faça login para ver assinaturas.

  4. #324
    World Class Avatar de Dellbono
    Data de Ingresso
    14/11/11
    Posts
    6.686
    Pegando o spot do @JoseIrineu em relação a babá:

    Ele contou que viajou para Porto Alegre na semana passada:

    Vejamos:

    Se pegou um taxi.... alguém dirigiu enquanto ele estava indo ser divertir.

    Se foi de avião.... aeromoças (algumas ganham pouco mais que babás), ficaram em pé servindo refrigerante e amendoim e prontas levar um copo d'água pra ele na hora que desejasse.
    Não precisando sequer saber o nome delas, bastando apenas apertar um simples botão.

    Se ele defecou no banheiro do avião.... tenha a certeza que alguém recolheu a água suja de bosta da latrina da aeronave.
    E convenhamos este é um trabalho muito mais "degradante" do que ficar em pé num restaurante.

    Se levou mala.... alguém teve que descarregar o peso dos pertences dele e carregar até a esteira rolante para que ele pudesse usufruir da sua visita a cidade....

    Ele vê algum mal, ou condição humilhante nestas atividades?

    Foi graças a sua viagem que estas pessoas puderam servi-lo e conquistar honestamente o pão de cada dia.
    E não há nada repugnante nisso. Nem ele precisa se sentir culpado.
    O que não dá é ficar se postando como se fosse muito diferente da "classe média" que ele tanto critica.

    A princípio, acho estúpido deixar a babá em pé, minha mãe foi empregada doméstica, e babá, e normalmente era muito bem tratada pelos seus patrões.
    Graças as pessoas que desejavam os seus serviços ela pode junto com meu pai prover os meus alimentos, minha educação e gerar oportunidades melhores para minha vida.
    Vivemos num país livre. A babá não é obrigada a aceitar aquele emprego, tampouco se sujeitar a ficar em pé.
    Se for maltratada pelos seus patrões pode processá-los e, ninguém pode negar que, quase sempre a justiça do trabalho dá razão ao empregado por considerá-lo hipossuficiente.
    Destaque-se ainda que, caso o empregador seja condenado na esfera trabalhista, sua conta é automaticamente bloqueada para garantir a indenização.

    Qual é o problema então?
    O país é livre?
    A babá não é obrigada a se submeter a humilhação.
    A justiça do trabalho funciona a favor do trabalhador caso o empregador o humilhe.

    É preciso saber que insensibilidade social não é crime.
    No caso em questão parece que o casal estava apenas sendo estúpido, sem transgredir qualquer lei.

    Ressalte-se também que:

    Existem pobres e ricos desonestos.
    Existem negros e brancos sem caráter.
    Existem héteros e gays com má índole

    Pobreza, raça ou sexualidade não devem servir para absolver ou condenar ninguém.
    São apenas características que não agregam por si qualidades a um ser humano.
    Última edição por Dellbono; 02-12-2013 às 20:20.
    Registre-se ou faça login para ver assinaturas.

  5. #325
    Professional Avatar de clay
    Data de Ingresso
    02/12/12
    Posts
    484
    Pergunta séria para o @Sam Farha - Spinoza e @JoseIrineu oque é mais bonito a babá-negra trabalhando honestamente para diminuir a desigualdade social ou ela ficar de mimimi e subir os degraus da sociedade através de cota na faculdade e do bolsa-tudo que tem por ai?
    Qual o caminho mais honroso para ela chegar a classe média ?
    Registre-se ou faça login para ver assinaturas.

  6. #326
    Expert Avatar de Sam Farha - Spinoza
    Data de Ingresso
    15/05/13
    Posts
    4.425
    Não me espanto nada com o rei do brag me trollando ... o que ele tem de rico, deve ter de burro! ... só resta trollar mesmo!

    Flw playboy!
    Registre-se ou faça login para ver assinaturas.

  7. #327
    World Class Avatar de Cão
    Data de Ingresso
    01/10/07
    Localização
    Beira Rio
    Posts
    19.743
    O irineu foi de carro e ainda tomamos uma cerva hahaha
    Registre-se ou faça login para ver assinaturas.

  8. #328
    World Class Avatar de Dellbono
    Data de Ingresso
    14/11/11
    Posts
    6.686
    Citação Postado originalmente por ekalil Ver Post
    nao entendo o que vc fala, desculpa
    Lolololol
    Ri alto aqui.
    O rapaz está um level acima do field.

    Por isto admiti a minha insignificância e parei de debater com ele.
    Agora só leio os posts surreais do gênio pra constatar o quanto preciso ler e aprender pra conseguir entender o metagame implícito em seus questionamentos

    É mais fácil ler James Joyce ou Leon Tolstoi no original do que entender os posts do Spinoza.
    Estou me esforçando e um dia chegarei a este nível.
    Última edição por Dellbono; 02-12-2013 às 20:32.
    ekalil likes this.
    Registre-se ou faça login para ver assinaturas.

  9. #329
    World Class
    Data de Ingresso
    10/07/09
    Posts
    10.522
    Citação Postado originalmente por Sam Farha - Spinoza Ver Post
    Não me espanto nada com o rei do brag me trollando ... o que ele tem de rico, deve ter de burro! ... só resta trollar mesmo!

    Flw playboy!
    Você faz uma pergunta sobre economia onde um economista formado e com mba não entende qual foi sua pergunta e você ainda quer uma resposta séria?
    Registre-se ou faça login para ver assinaturas.

  10. #330
    Table Captain
    Data de Ingresso
    21/01/08
    Posts
    607
    Citação Postado originalmente por Dellbono Ver Post
    Pegando o spot do @JoseIrineu em relação a babá:

    Ele contou que viajou para Porto Alegre na semana passada:

    Vejamos:

    Se pegou um taxi.... alguém dirigiu enquanto ele estava indo ser divertir.

    Se foi de avião.... aeromoças (algumas ganham pouco mais que babás), ficaram em pé servindo refrigerante e amendoim e prontas levar um copo d'água pra ele na hora que desejasse.
    Não precisando sequer saber o nome delas, bastando apenas apertar um simples botão.

    Se ele defecou no banheiro do avião.... tenha a certeza que alguém recolheu a água suja de bosta da latrina da aeronave.
    E convenhamos este é um trabalho muito mais "degradante" do que ficar em pé num restaurante.

    Se levou mala.... alguém teve que descarregar o peso dos pertences dele e carregar até a esteira rolante para que ele pudesse usufruir da sua visita a cidade....

    Ele vê algum mal, ou condição humilhante nestas atividades?

    Foi graças a sua viagem que estas pessoas puderam servi-lo e conquistar honestamente o pão de cada dia.
    E não há nada repugnante nisso. Nem ele precisa se sentir culpado.
    O que não dá é ficar se postando como se fosse muito diferente da "classe média" que ele tanto critica.

    A princípio, acho estúpido deixar a babá em pé, minha mãe foi empregada doméstica, e babá, e normalmente era muito bem tratada pelos seus patrões.
    Graças as pessoas que desejavam os seus serviços ela pode junto com meu pai prover os meus alimentos, minha educação e gerar oportunidades melhores para minha vida.
    Vivemos num país livre. A babá não é obrigada a aceitar aquele emprego, tampouco se sujeitar a ficar em pé.
    Se for maltratada pelos seus patrões pode processá-los e, ninguém pode negar que, quase sempre a justiça do trabalho dá razão ao empregado por considerá-lo hipossuficiente.
    Destaque-se ainda que, caso o empregador seja condenado na esfera trabalhista, sua conta é automaticamente bloqueada para garantir a indenização.

    Qual é o problema então?
    O país é livre?
    A babá não é obrigada a se submeter a humilhação.
    A justiça do trabalho funciona a favor do trabalhador caso o empregador o humilhe.

    É preciso saber que insensibilidade social não é crime.
    No caso em questão parece que o casal estava apenas sendo estúpido, sem transgredir qualquer lei.

    Ressalte-se também que:

    Existem pobres e ricos desonestos.
    Existem negros e brancos sem caráter.
    Existem héteros e gays com má índole

    Pobreza, raça ou sexualidade não devem servir para absolver ou condenar ninguém.
    São apenas características que não agregam por si qualidades a um ser humano.



    Ivdd, J. Augusto, rifanger and 1 others like this.
    Registre-se ou faça login para ver assinaturas.

Página 33 de 50 PrimeiroPrimeiro ... 23313233343543 ... ÚltimoÚltimo

Permissões de postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •  
© 2007-2019 · MaisEV · Todos os direitos reservados