Clique Aqui [Política] - O andamento e as decisões de nossos governantes - Página 4413

Lista de Usuários Marcados

Página 4413 de 5058 PrimeiroPrimeiro ... 34133913431343634403441144124413441444154423446345134913 ... ÚltimoÚltimo
Resultados 44.121 a 44.130 de 50573
Like Tree60280Likes

Tópico: [Política] - O andamento e as decisões de nossos governantes

  1. #44121
    World Class Avatar de ekalil
    Data de Ingresso
    24/02/08
    Localização
    São Paulo
    Posts
    27.212
    Legal leozao
    Preacher, brunoarbo and ColinsFil like this.
    Registre-se ou faça login para ver assinaturas.

  2. #44122
    Table Captain Avatar de Mandracon
    Data de Ingresso
    30/12/14
    Localização
    Brasil
    Posts
    900
    Citação Postado originalmente por Picinin Ver Post
    Citação Postado originalmente por Mandracon Ver Post
    Citação Postado originalmente por Picinin Ver Post
    Citação Postado originalmente por Mandracon Ver Post
    Citação Postado originalmente por Picinin Ver Post
    Citação Postado originalmente por Mandracon Ver Post
    Citação Postado originalmente por RRetired Ver Post
    O fato é que bem ou mal, a economia começou a reagir imediatamente após a saída da Dilma, e não parou de dar sinais de recuperação mês após mês. Se não fosse isso, o Temer já tinha caído faz tempo. As pessoas inteligentemente reconhecem que sem a economia girando pra frente, a gente ia passar perrengue antes mesmo dos corruptos serem julgados.
    O governo Temer estancou o sangramento que ia matar a gente antes de receber o transplante. O transplante nós podemos começar a fazer nas próximas eleições, se a galera votar bem.
    O Temer só não caiu até hoje porque ainda tem orçamento pras emendas e cargos que lhe garantem a maioria nas votações que deveriam derrubá-lo.
    Vc acha mesmo que os deputados que seguram a barra dele são altruístas pensando no bem que a economia está fazendo pro país?
    A Dilma também tinha, liberou uma fortuna e caiu assim mesmo.
    O fato de não ter ter sido eficaz para a Dilma não invalida a tese de que o Temer só não caiu por causa disso.
    Invalida sim. Se a distribuição de emendas, por si só, foi o que impediu o impeachment do Temer, ela deveria ter impedido também o da Dilma. Se não impediu, é porque outros fatores concorreram para a manutenção do Temer.
    O Temer tem um maior controle sobre a base aliada, o que a Dilma deixou de ter quando o PMDB pulou fora. Os deputados que estão ali votando nem sabem como está a economia...
    O que prova que não foi só a distribuição de emendas, mas também ter o mínimo de coerência e habilidade política. E é óbvio que os deputados sabem com está a economia, as bases que os sustentam sabem e os cobram, até o povão percebe.
    O que prova que os deputados que votaram a favor do Temer não estão preocupados com a economia é o próprio fato de terem aceitado a liberação das emendas, uma vez que o discurso econômico do governo antes das denúncias se pautava no contingenciamento das despesas...
    TNP likes this.
    Registre-se ou faça login para ver assinaturas.

  3. #44123
    World Class Avatar de Picinin
    Data de Ingresso
    20/10/07
    Posts
    11.403
    Citação Postado originalmente por Mandracon Ver Post


    O que prova que os deputados que votaram a favor do Temer não estão preocupados com a economia é o próprio fato de terem aceitado a liberação das emendas, uma vez que o discurso econômico do governo antes das denúncias se pautava no contingenciamento das despesas...
    Eles estão preocupados se a economia do país está andando, e quem tem que fazer isso é o Executivo. Como a inflação tá em queda, o governo tá pagando as contas, o desemprego caiu, a produção industrial e o PIB deram sinais de retomada. É disso que eles querem saber. É isso que significa estar preocupado com a economia.

    Mas não adianta, a militância de esquerda vai insistir no discurso vitimista, ao invés de aprender com as merdas que a Dilma fez.
    ColinsFil likes this.
    Registre-se ou faça login para ver assinaturas.

  4. #44124
    World Class Avatar de Picinin
    Data de Ingresso
    20/10/07
    Posts
    11.403
    Citação Postado originalmente por Cezar Teixeira Ver Post
    @Picinin

    Também concordo que o assunto entrou em looping, mas não acho nem de longe que você está sendo pragmático e eu ideológico. Não utilizei nenhum argumento jusnaturalista pra defender minha posição e sua argumentação está completamente atrelada ao establishment, mas por algum motivo você liga isso à pragmatismo.

    Só pra não deixar passar em branco, vou ter que responder alguns pontos:

    1 - Eu acho estranho. Você é um cara que não acredita em previsões econômicas, assim como eu, mas nesse ponto específico você parece acreditar. Eu não fugi da resposta em nenhum momento, eu apenas não cravei a responta em Sim ou não, pq acho impossível esse tipo de previsão. Eu não fui subjetivo, explicitei claramente as ramificações possíveis que eu acredito que aconteceriam.

    2 - Acho que aqui mora o maior problema do seu ponto, além de não termos informações de comportamento do mercado na hipótese de trabalharmos sem patente, você não permite a possibilidade de nenhum teste em escala menor para avaliarmos os resultados desse tipo de política. Se as decisões tomadas alguns séculos atrás pra proteger esses mercados foram equivocadas, nunca saberemos. Isso não é ser pragmático, esse ponto está mais perto da falácia da narrativa do Taleb do que do empirismo que ele mesmo defende.

    3 - Como disse, é só um ponto menor entre outros que deve ser considerado.

    4 - Você está equivocado. Esse caso da solda mesmo, não foi tecnologia nacional (até onde conseguimos apurar), não conseguimos acesso a quem desenvolveu e envolve milhões sim. Isso é só um caso entre outros. A percepção que eu tenho é que você tem uma visão equivocada do que ocorre dentro da industria.

    5 - Mas você está deturpando os motivos das minhas conclusões. Afirmaram que não valeria a pena trabalhar com margens baixas e os números provam que a industria continua inovando com margens baixas. Você até pode argumentar que sem a patente as margens ficariam negativas, inviabilizando qualquer investimento, mas não pode dizer de forma alguma que a industria deixaria de inovar se tivessem margens baixas pq não é isso que acontece.
    Você começou a discussão argumentando que defendia o fim das patentes porque parte sempre do princípio que mais liberdade é sempre melhor. Isso pra mim é a definição de uma posição ideológica/filosófica. Eu tô olhando o problema concreto (custos inerentes ao processo de desenvolvimento científico-tecnológico) e apontando um problema que eu vejo na sua tese. Se é a favor ou contra o establishment é absolutamente irrelevante pra mim, já cansei de defender posições majoritárias e contramajoritárias aqui nos mais diversos assuntos.

    E você tá insistindo nesse supertunfo da imprevisibilidade da economia. Eu já cansei de defender a imprevisibilidade para atacar quem tenta usar o mercado como argumento de autoridade. Mas isso não significa que qualquer tese sobre economia ou política tenha o mesmo valor. Todas elas estão sujeitas ao crivo da lógica e da argumentação dialética. É isso que nós estamos fazendo.

    Você tá só atacando espantalhos com esse relativismo e com essa ideia de que eu não admito "a possibilidade de nenhum teste em escala menor para avaliarmos os resultados desse tipo de política". Nós estamos discutindo um conceito, eu estou mostrando com silogismos porque eu acho que o conceito faz sentido. O que não significa que eu ache que a lei atual é perfeita, ou que deva valer pra toda e qualquer situação e mercado. Mas aí você precisa me mostrar com silogismos porque, por exemplo, as patentes não deveriam ser usadas no mercado x. Também nunca falei "que a industria deixaria de inovar se tivessem margens baixas". Você que veio com essa conversa de margem e o que eu tô dizendo é que ela é absolutamente irrelevante para a discussão.

    Sobre o caso da solda, a minha impressão é exatamente a mesma sobre os seus comentários, lol. Se não é caso de patente, mas apenas de segredo industrial, é só ter acesso a quem usa para descobrir como funciona o processo e como o aplicar. É óbvio que eu não sei detalhes do processo de solda, nem teria como saber, mas isso não invalida as observações.
    guitrancoso and ColinsFil like this.
    Registre-se ou faça login para ver assinaturas.

  5. #44125
    Chip Leader Avatar de Taleb
    Data de Ingresso
    03/06/09
    Posts
    1.910
    Citação Postado originalmente por Picinin Ver Post
    Citação Postado originalmente por Cezar Teixeira Ver Post
    @Picinin

    Também concordo que o assunto entrou em looping, mas não acho nem de longe que você está sendo pragmático e eu ideológico. Não utilizei nenhum argumento jusnaturalista pra defender minha posição e sua argumentação está completamente atrelada ao establishment, mas por algum motivo você liga isso à pragmatismo.

    Só pra não deixar passar em branco, vou ter que responder alguns pontos:

    1 - Eu acho estranho. Você é um cara que não acredita em previsões econômicas, assim como eu, mas nesse ponto específico você parece acreditar. Eu não fugi da resposta em nenhum momento, eu apenas não cravei a responta em Sim ou não, pq acho impossível esse tipo de previsão. Eu não fui subjetivo, explicitei claramente as ramificações possíveis que eu acredito que aconteceriam.

    2 - Acho que aqui mora o maior problema do seu ponto, além de não termos informações de comportamento do mercado na hipótese de trabalharmos sem patente, você não permite a possibilidade de nenhum teste em escala menor para avaliarmos os resultados desse tipo de política. Se as decisões tomadas alguns séculos atrás pra proteger esses mercados foram equivocadas, nunca saberemos. Isso não é ser pragmático, esse ponto está mais perto da falácia da narrativa do Taleb do que do empirismo que ele mesmo defende.

    3 - Como disse, é só um ponto menor entre outros que deve ser considerado.

    4 - Você está equivocado. Esse caso da solda mesmo, não foi tecnologia nacional (até onde conseguimos apurar), não conseguimos acesso a quem desenvolveu e envolve milhões sim. Isso é só um caso entre outros. A percepção que eu tenho é que você tem uma visão equivocada do que ocorre dentro da industria.

    5 - Mas você está deturpando os motivos das minhas conclusões. Afirmaram que não valeria a pena trabalhar com margens baixas e os números provam que a industria continua inovando com margens baixas. Você até pode argumentar que sem a patente as margens ficariam negativas, inviabilizando qualquer investimento, mas não pode dizer de forma alguma que a industria deixaria de inovar se tivessem margens baixas pq não é isso que acontece.
    Você começou a discussão argumentando que defendia o fim das patentes porque parte sempre do princípio que mais liberdade é sempre melhor. Isso pra mim é a definição de uma posição ideológica/filosófica. Eu tô olhando o problema concreto (custos inerentes ao processo de desenvolvimento científico-tecnológico) e apontando um problema que eu vejo na sua tese. Se é a favor ou contra o establishment é absolutamente irrelevante pra mim, já cansei de defender posições majoritárias e contramajoritárias aqui nos mais diversos assuntos.

    E você tá insistindo nesse supertunfo da imprevisibilidade da economia. Eu já cansei de defender a imprevisibilidade para atacar quem tenta usar o mercado como argumento de autoridade. Mas isso não significa que qualquer tese sobre economia ou política tenha o mesmo valor. Todas elas estão sujeitas ao crivo da lógica e da argumentação dialética. É isso que nós estamos fazendo.

    Você tá só atacando espantalhos com esse relativismo e com essa ideia de que eu não admito "a possibilidade de nenhum teste em escala menor para avaliarmos os resultados desse tipo de política". Nós estamos discutindo um conceito, eu estou mostrando com silogismos porque eu acho que o conceito faz sentido. O que não significa que eu ache que a lei atual é perfeita, ou que deva valer pra toda e qualquer situação e mercado. Mas aí você precisa me mostrar com silogismos porque, por exemplo, as patentes não deveriam ser usadas no mercado x. Também nunca falei "que a industria deixaria de inovar se tivessem margens baixas". Você que veio com essa conversa de margem e o que eu tô dizendo é que ela é absolutamente irrelevante para a discussão.

    Sobre o caso da solda, a minha impressão é exatamente a mesma sobre os seus comentários, lol. Se não é caso de patente, mas apenas de segredo industrial, é só ter acesso a quem usa para descobrir como funciona o processo e como o aplicar. É óbvio que eu não sei detalhes do processo de solda, nem teria como saber, mas isso não invalida as observações.
    Acho que meu penúltimo e último posts respondem boa parte do que você acaba de argumentar, vou parar por aqui, pra evitar ficarmos andando em círculo.

    ps: Eu não defendi o conceito de liberdade como absoluto (isso seria ideológico), apenas estabeleci ele como ponto de partida. Equivalente a partir do establishment.
    JoseIrineu likes this.
    Registre-se ou faça login para ver assinaturas.

  6. #44126
    World Class Avatar de ekalil
    Data de Ingresso
    24/02/08
    Localização
    São Paulo
    Posts
    27.212
    @Cezar Teixeira,

    Uma duvida que tenho com relacao ao libertarianismo de maneira geral:

    Supondo que a ideia de desregulamentacao seja implementada em alguma area, imagino que seja meio inevitavel que um periodo de "caos" ocorra, ate que o mercado se ajuste.

    Mesmo que vc comece com areas de menor importancia, isso vai trazer algum nivel de desconforto para o consumidor.

    Dependendo da duracao desse periodo, isso pode inviabilizar todo o processo.

    Em outras palavras, mesmo que o mercado se ajuste de forma otima em qualquer contexto, se o povo nao tiver paciencia pra esperar a solucao do mercado ser encontrada e as coisas se estabilizarem, como a teoria preve, fica bem dificil de implementar algo na pratica. Como nao existe um prazo, eh provavel que seja decretado que o modelo simplesmente nao funcionou apos algum tempo.

    Isso eh discutido?
    Registre-se ou faça login para ver assinaturas.

  7. #44127
    Table Captain
    Data de Ingresso
    02/12/13
    Posts
    675
    Citação Postado originalmente por ekalil Ver Post
    @Cezar Teixeira,

    Uma duvida que tenho com relacao ao libertarianismo de maneira geral:

    Supondo que a ideia de desregulamentacao seja implementada em alguma area, imagino que seja meio inevitavel que um periodo de "caos" ocorra, ate que o mercado se ajuste.

    Mesmo que vc comece com areas de menor importancia, isso vai trazer algum nivel de desconforto para o consumidor.

    Dependendo da duracao desse periodo, isso pode inviabilizar todo o processo.

    Em outras palavras, mesmo que o mercado se ajuste de forma otima em qualquer contexto, se o povo nao tiver paciencia pra esperar a solucao do mercado ser encontrada e as coisas se estabilizarem, como a teoria preve, fica bem dificil de implementar algo na pratica. Como nao existe um prazo, eh provavel que seja decretado que o modelo simplesmente nao funcionou apos algum tempo.

    Isso eh discutido?
    ekalil, leia de novo seu post. Se não tiver clareza fica díficil de alguem responder.

    O que vc quer dizer com desregulamentação?

    Pq o caos seria inevitavel? Pelo motivo de alguns mega empresarios ficariam insatisfeitos por perderem seus privilegios?

    Pq vai trazer desconforto pro consumidor sendo que ele seria diretamente beneficiado pela baixa dos preços?

    Libertarianismo é sobre ética antes de tudo, é sobre acabar com a violencia, então temos que colocar na cabeça das pessoas que o estado é criminoso e que elas precisam sonegar tudo que podem pra se defenderem. O objetivo não pode ser alcançado atraves de revolução armada, isso seria burrice, mas os mecanismos que serão criados a partir da criação do bitcoin, por exemplo, facilitarão o processo.
    Registre-se ou faça login para ver assinaturas.

  8. #44128
    World Class Avatar de ekalil
    Data de Ingresso
    24/02/08
    Localização
    São Paulo
    Posts
    27.212
    Citação Postado originalmente por leolistowski Ver Post
    Citação Postado originalmente por ekalil Ver Post
    @Cezar Teixeira,

    Uma duvida que tenho com relacao ao libertarianismo de maneira geral:

    Supondo que a ideia de desregulamentacao seja implementada em alguma area, imagino que seja meio inevitavel que um periodo de "caos" ocorra, ate que o mercado se ajuste.

    Mesmo que vc comece com areas de menor importancia, isso vai trazer algum nivel de desconforto para o consumidor.

    Dependendo da duracao desse periodo, isso pode inviabilizar todo o processo.

    Em outras palavras, mesmo que o mercado se ajuste de forma otima em qualquer contexto, se o povo nao tiver paciencia pra esperar a solucao do mercado ser encontrada e as coisas se estabilizarem, como a teoria preve, fica bem dificil de implementar algo na pratica. Como nao existe um prazo, eh provavel que seja decretado que o modelo simplesmente nao funcionou apos algum tempo.

    Isso eh discutido?
    ekalil, leia de novo seu post. Se não tiver clareza fica díficil de alguem responder.

    O que vc quer dizer com desregulamentação?

    Pq o caos seria inevitavel? Pelo motivo de alguns mega empresarios ficariam insatisfeitos por perderem seus privilegios?

    Pq vai trazer desconforto pro consumidor sendo que ele seria diretamente beneficiado pela baixa dos preços?

    Libertarianismo é sobre ética antes de tudo, é sobre acabar com a violencia, então temos que colocar na cabeça das pessoas que o estado é criminoso e que elas precisam sonegar tudo que podem pra se defenderem. O objetivo não pode ser alcançado atraves de revolução armada, isso seria burrice, mas os mecanismos que serão criados a partir da criação do bitcoin, por exemplo, facilitarão o processo.
    Pra mim ta claro, mas enfim.

    Desregulamentacao seria retirar qualquer regra imposta pelo estado e deixar o mercado operar livremente.

    No caso que estava sendo discutido, seria retirar as patentes, obrigatoriedade de testes e toda regulamentacao relacionada a industria farmaceutica. Digamos, acabar com a Anvisa.

    O caos inicial, que pra mim seria inevitavel, eh pq um novo modelo teria ser implementado e isso nao aconteceria do dia pra noite.

    Pra citar algumas situacoes que consigo imaginar:

    -novos players entrariam no mercado oferecendo medicamentos que nao passaram pelos testes atuais. O consumidor, nesse primeiro momento, nao saberia avaliar o que eh seguro e o que nao eh. O que eh real, o que eh enganacao, o custo/beneficio.

    -sem patentes, as empresas teriam que rever quanto e como investir em novos medicamentos. Isso tb levaria algum tempo e certamente viveriamos algum tempo sem grandes inovacoes.

    Enfim, mesmo assumindo que, no final das contas, o cenario vai ser melhor pro consumidor, levaria um tempo ate tudo se acertar. Nesse periodo o consumidor provavelmente sofreria e poderia perder a paciencia com o modelo.
    Registre-se ou faça login para ver assinaturas.

  9. #44129
    Table Captain
    Data de Ingresso
    02/12/13
    Posts
    675
    Citação Postado originalmente por ekalil Ver Post
    Citação Postado originalmente por leolistowski Ver Post
    Citação Postado originalmente por ekalil Ver Post
    @Cezar Teixeira,

    Uma duvida que tenho com relacao ao libertarianismo de maneira geral:

    Supondo que a ideia de desregulamentacao seja implementada em alguma area, imagino que seja meio inevitavel que um periodo de "caos" ocorra, ate que o mercado se ajuste.

    Mesmo que vc comece com areas de menor importancia, isso vai trazer algum nivel de desconforto para o consumidor.

    Dependendo da duracao desse periodo, isso pode inviabilizar todo o processo.

    Em outras palavras, mesmo que o mercado se ajuste de forma otima em qualquer contexto, se o povo nao tiver paciencia pra esperar a solucao do mercado ser encontrada e as coisas se estabilizarem, como a teoria preve, fica bem dificil de implementar algo na pratica. Como nao existe um prazo, eh provavel que seja decretado que o modelo simplesmente nao funcionou apos algum tempo.

    Isso eh discutido?
    ekalil, leia de novo seu post. Se não tiver clareza fica díficil de alguem responder.

    O que vc quer dizer com desregulamentação?

    Pq o caos seria inevitavel? Pelo motivo de alguns mega empresarios ficariam insatisfeitos por perderem seus privilegios?

    Pq vai trazer desconforto pro consumidor sendo que ele seria diretamente beneficiado pela baixa dos preços?

    Libertarianismo é sobre ética antes de tudo, é sobre acabar com a violencia, então temos que colocar na cabeça das pessoas que o estado é criminoso e que elas precisam sonegar tudo que podem pra se defenderem. O objetivo não pode ser alcançado atraves de revolução armada, isso seria burrice, mas os mecanismos que serão criados a partir da criação do bitcoin, por exemplo, facilitarão o processo.
    Pra mim ta claro, mas enfim.

    Desregulamentacao seria retirar qualquer regra imposta pelo estado e deixar o mercado operar livremente.

    No caso que estava sendo discutido, seria retirar as patentes, obrigatoriedade de testes e toda regulamentacao relacionada a industria farmaceutica. Digamos, acabar com a Anvisa.

    O caos inicial, que pra mim seria inevitavel, eh pq um novo modelo teria ser implementado e isso nao aconteceria do dia pra noite.

    Pra citar algumas situacoes que consigo imaginar:

    -novos players entrariam no mercado oferecendo medicamentos que nao passaram pelos testes atuais. O consumidor, nesse primeiro momento, nao saberia avaliar o que eh seguro e o que nao eh. O que eh real, o que eh enganacao, o custo/beneficio.

    -sem patentes, as empresas teriam que rever quanto e como investir em novos medicamentos. Isso tb levaria algum tempo e certamente viveriamos algum tempo sem grandes inovacoes.

    Enfim, mesmo assumindo que, no final das contas, o cenario vai ser melhor pro consumidor, levaria um tempo ate tudo se acertar. Nesse periodo o consumidor provavelmente sofreria e poderia perder a paciencia com o modelo.
    Entendi. Mas imagina o desespero de um empresario que agora pode ter sua marca e seu produto copiado por qualquer um. Voce acha mesmo que a solução mais viavel para ele seria não inovar? Eu acho que ele não teria outra opção a não ser inovar e criar mecanismos pra proteger sua criação. Empreendedores de verdade entendem como funciona o mercado e têm sede por inovação, jamais ficariam parados pois seria ainda pior num cenario totalmente desregulamentado. Quem não se adaptasse iria quebrar.

    Afirmar que as empresas não viriam a inovar em um mercado sem patentes é ignorar toda a essencia do desenvolvimento economicos. Isso vale pra qualquer produto, com medicamentos não seria diferente, não existe isso de o empresario achar inviavel e trocar de ramo, o empresario ve uma oportunidade e explora, com medicamentos tb iria haver esse equilibrio natural que acontece na economia: se um ramo tem muito lucro é pq tem pouca concorrencia, se tem muita concorrencia e a margem é pequena as empresas competentes criam meios para sobreviver e as que não se adaptam morrem. Isso é tão basico que nem deveria ser discutido. As patentes não sao a salvação para a inovação da industria farmaceutica nem para qualqer outra.

    Voce não acha que faz sentido?
    Registre-se ou faça login para ver assinaturas.

  10. #44130
    World Class Avatar de ekalil
    Data de Ingresso
    24/02/08
    Localização
    São Paulo
    Posts
    27.212
    Citação Postado originalmente por leolistowski Ver Post
    Citação Postado originalmente por ekalil Ver Post
    Citação Postado originalmente por leolistowski Ver Post
    Citação Postado originalmente por ekalil Ver Post
    @Cezar Teixeira,

    Uma duvida que tenho com relacao ao libertarianismo de maneira geral:

    Supondo que a ideia de desregulamentacao seja implementada em alguma area, imagino que seja meio inevitavel que um periodo de "caos" ocorra, ate que o mercado se ajuste.

    Mesmo que vc comece com areas de menor importancia, isso vai trazer algum nivel de desconforto para o consumidor.

    Dependendo da duracao desse periodo, isso pode inviabilizar todo o processo.

    Em outras palavras, mesmo que o mercado se ajuste de forma otima em qualquer contexto, se o povo nao tiver paciencia pra esperar a solucao do mercado ser encontrada e as coisas se estabilizarem, como a teoria preve, fica bem dificil de implementar algo na pratica. Como nao existe um prazo, eh provavel que seja decretado que o modelo simplesmente nao funcionou apos algum tempo.

    Isso eh discutido?
    ekalil, leia de novo seu post. Se não tiver clareza fica díficil de alguem responder.

    O que vc quer dizer com desregulamentação?

    Pq o caos seria inevitavel? Pelo motivo de alguns mega empresarios ficariam insatisfeitos por perderem seus privilegios?

    Pq vai trazer desconforto pro consumidor sendo que ele seria diretamente beneficiado pela baixa dos preços?

    Libertarianismo é sobre ética antes de tudo, é sobre acabar com a violencia, então temos que colocar na cabeça das pessoas que o estado é criminoso e que elas precisam sonegar tudo que podem pra se defenderem. O objetivo não pode ser alcançado atraves de revolução armada, isso seria burrice, mas os mecanismos que serão criados a partir da criação do bitcoin, por exemplo, facilitarão o processo.
    Pra mim ta claro, mas enfim.

    Desregulamentacao seria retirar qualquer regra imposta pelo estado e deixar o mercado operar livremente.

    No caso que estava sendo discutido, seria retirar as patentes, obrigatoriedade de testes e toda regulamentacao relacionada a industria farmaceutica. Digamos, acabar com a Anvisa.

    O caos inicial, que pra mim seria inevitavel, eh pq um novo modelo teria ser implementado e isso nao aconteceria do dia pra noite.

    Pra citar algumas situacoes que consigo imaginar:

    -novos players entrariam no mercado oferecendo medicamentos que nao passaram pelos testes atuais. O consumidor, nesse primeiro momento, nao saberia avaliar o que eh seguro e o que nao eh. O que eh real, o que eh enganacao, o custo/beneficio.

    -sem patentes, as empresas teriam que rever quanto e como investir em novos medicamentos. Isso tb levaria algum tempo e certamente viveriamos algum tempo sem grandes inovacoes.

    Enfim, mesmo assumindo que, no final das contas, o cenario vai ser melhor pro consumidor, levaria um tempo ate tudo se acertar. Nesse periodo o consumidor provavelmente sofreria e poderia perder a paciencia com o modelo.
    Entendi. Mas imagina o desespero de um empresario que agora pode ter sua marca e seu produto copiado por qualquer um. Voce acha mesmo que a solução mais viavel para ele seria não inovar? Eu acho que ele não teria outra opção a não ser inovar e criar mecanismos pra proteger sua criação. Empreendedores de verdade entendem como funciona o mercado e têm sede por inovação, jamais ficariam parados pois seria ainda pior num cenario totalmente desregulamentado. Quem não se adaptasse iria quebrar.

    Afirmar que as empresas não viriam a inovar em um mercado sem patentes é ignorar toda a essencia do desenvolvimento economicos. Isso vale pra qualquer produto, com medicamentos não seria diferente, não existe isso de o empresario achar inviavel e trocar de ramo, o empresario ve uma oportunidade e explora, com medicamentos tb iria haver esse equilibrio natural que acontece na economia: se um ramo tem muito lucro é pq tem pouca concorrencia, se tem muita concorrencia e a margem é pequena as empresas competentes criam meios para sobreviver e as que não se adaptam morrem. Isso é tão basico que nem deveria ser discutido. As patentes não sao a salvação para a inovação da industria farmaceutica nem para qualqer outra.

    Voce não acha que faz sentido?
    De maneira geral acho que faz. Mas acho que eh um pouco mais complicado. Vc ta falando de "empresario" de maneira meio simplista. Numa grande farmaceutica nao existe essa figura.

    Peguei a Pfizer como exemplo. O maior acionista eh um fundo de investimento e tem apenas 6% da empresa. 72% da empresa ta nas maos de outras instituicoes, a maioria fundos de investimento. O individuo que tem mais acoes da empresa tem uma quantidade infima.

    Ou seja, se algo muda no mercado, eh natural que todo mundo va tirar o dinheiro na hora e colocar em outra coisa, pelo menos num primeiro momento. Obvio que isso nao significa que nao havera mais inovacao, mas acho que eh inevitavel que a industria sofra por um periodo.

    Enfim, pra mim eh bem factivel que, mesmo que o mercado ache uma maneira melhor de funcionar, isso levaria tempo.
    Registre-se ou faça login para ver assinaturas.

Permissões de postagem

  • Você não pode iniciar novos tópicos
  • Você não pode enviar respostas
  • Você não pode enviar anexos
  • Você não pode editar suas mensagens
  •  
© 2007-2019 · MaisEV · Todos os direitos reservados