Tony Dunst e Daniel Strelitz revelam lucros em 2019, veja os números

Por: 06/01/2020

Tony Dunst registrou forra de mais de US$ 600 mil em 2019 e Daniel Strelitz fechou ano com soma milionária.

Se você acompanha as transmissões do WPT deve estar acostumado aos comentários e análises do profissional Tony Dunst, e o craque americano resolveu partilhar os números de sua temporada no final de 2019.

Segundo Tony, 2019 foi o ano em que o jogador mais estudou e jogou poker na década. “É duvidoso conectar esforço e resultados em MTT’s, mas fico feliz que tenha dado certo”, disse ele em um tuíte com os números abaixo:

Total de entradas: 97 tony dunst daniel strelits 450

Total de ITM ‘s: 21

Mesas finais: 4

Total de buy-ins: US$ 209.992

Total ganho: US$ 828.921

Lucro: US$ 618.929

Com US$ 3,8 milhões em prêmios na carreira e um bracelete da WSOP e um título do WPT no currículo, Tony teve como melhor resultado em 2019 o vice no Evento #89 da WSOP, que valeu US$ 374 mil.

Dunst ainda disse que os buy-ins investidos ficaram na faixa de US$ 400 a US$ 15.000 e que um quarto do volume foi distribuído durante a WSOP. Ele ainda revelou que foi a primeira vez que manteve uma contabilidade exata dos valores mas que chuta que “deve ter terminado 2018 e 2017 com pequenas perdas, 2016 com grande lucro e com um 2015 incerto”.

 

A revelação inspirou outros jogadores a revelarem seus números e o craque Daniel Strelitz também abriu seus livros. “Como também gosto de me gabar, vou publicar as minhas estatísticas de 2019. 2018 foi meu primeiro ano perdedor e eu estava me sentindo super queimado a maior parte deste ano, então meu volume e estudo foi menor do que o normal”, explicou Strelitz, que divulgou as seguintes estatísticas:

Total de entradas: 105

Total de ITM’s: 22

Total  de buy-ins: US$ 384.374

Total ganho: US$ 1.499.495

Lucro: US$ 1.115.121

O volume um pouco maior e o investimento de quase o dobro de Dunst, Strelitz foi recompensado com uma forra também maior e agora soma US$ 4,5 milhões em prêmios na carreira. Dois resultados do craque se destacaram em 2019: o vice logo no início do ano no Main Event do PCA, que valeu US$ 951 mil, e o título no Evento #11 da WSOP, que aumentou o bankroll em mais US$ 442 mil.

 

 

 

Alex Faccini

Alex Faccini

Conheceu o poker em 2006 através da ESPN, em uma mesa que contava com Sam Farha e Phil Ivey. Se apaixonou pelo jogo e pela malandragem de Farha, o único jogador com sangue HUE BR. Passou pelas faculdades de Direito e Publicidade, sem concluir nem uma, nem outra. Apaixonado por cinema, música, literatura e outras artes mais, aprendeu a jogar sinuca em botecos com tiozinhos tomando cachaça, e tem a certeza que vivemos em uma Matrix. Sempre se esquece de encher as formas de gelo.

Veja mais:

Salas de Poker