Sean Winter é campeão do Main Event do US Poker Open; David Peters brilha e homenageia Kobe Bryant

Por: 17/06/2021

Sean Winter puxou US$ 756 mil ao vencer Stephen Chidwick no heads-up, e David Peters ganhou o título de “Jogador da Série” pela segunda vez seguida

sean winter

O craque americano Sean Winter adicionou mais um prêmio ao glorioso currículo ao conquistar a taça do Main Event do US Poker Open ($50.000, NLH), que foi decidido na terça-feira nos estúdio do PokerGo, no Aria Resort & Casino, em Las Vegas.

Para levantar o troféu, o americano derrubou 41 oponentes no evento que contou com a nata do poker mundial, entre eles Bryn Kenney, Erik Seidel, Alex Foxen, Nick Petrangelo, Dan Shak e Ali Imsirovic, todos eliminados fora da zona de premiação, que contemplou apenas seis jogadores.

Ele não teve vida fácil na mesa final, tendo que enfrentar craques como Sam Soverel, Jonathan Little e Jason Koon. No heads-up, seu adversário foi o britânico Stephen Chidwick, e a disputa entre os dois foi equilibrada.

Na mão derradeira, poucos blinds separavam os dois craques. Stephen aumentou para 2,5bb e Winter pagou para ambos verem o flop Js6s2d. Sean deu check-call na aposta de 375.000 de Chidiwick, e no turn Qd, o britânico seguiu agredindo e apostou 900.000. No river 10h, Sean deu novo check e Stephen colocou todo seu stack ao centro da mesa, ganhando o snap call do americano. Chidwick mostrou Qs4c para top pair, e Sean garantiu o título com 10c6c para dois pares.

A vitória valeu a bolada de US$ 756.000, o quarto maior prêmio do jogador, que ultrapassou a barreira dos US$ 17 milhões na carreira, a 40ª melhor marca no poker ao vivo. Já Stephen Chidiwck, que soma mais de US$ 35 milhões em premiações, faturou US$ 504.000 com o vice-campeonato.

Com 12 eventos disputados entre 03 e 15 de junho, com entradas entre US$ 10 mil e US$ 50.000, o Main Event do US Poker Open registrou 42 entradas e distribuiu US$ 2,1 milhão em prêmios aos seis melhores colocados.

Um dos destaques da série foi o americano David Peters, que conquistou quatro ITM’s e venceu três eventos nos difíceis torneios, performance que acabou por consagrá-lo como Jogador da Série pela segunda vez consecutiva.

Peters derrubou 98 oponentes no Evento #7, com entrada de US$ 10 mil, e faturou US$ 217.800 com a vitória ao vencer o compatriota Jared Jeffe no heads-up.

Já no Evento #10, também com entrada de US$ 10 mil, ele levou a melhor sobre o field de 27 entradas e derrubou o Bósnio Ali Imsirovic no duelo final para faturar mais US$ 124.200.

O tri veio com o título no #11, sobre 68 competidores, e a vitória frente ao croata Ivan Zufic no heads-up valeu mais US$ 465.750 aos bolsos do craque. David Peters ainda foi oitavo colocado no torneio de Omaha de US$ 10 mil e garantiu US$ 25.200, totalizando US$ 832.950 acumulados durante a série.

Com US$ 34,5 milhões em prêmios na carreira, a sétima melhor marca, o estadunidense resolveu homenagear o ídolo Kobe Bryant, morto em um acidente de helicóptero em janeiro do ano passado, com uma foto em referência a um clique épico que mostra o astro do Los Angeles Lakers abraçado ao troféu Larry O’Brien após a segunda conquista do título da carreira do jogador, em 2001.

“Conseguimos, Kobe”, escreveu David Peters no Twitter, junto a uma imagem que o mostra segurando o belo troféu no colo, imitando o gesto de Kobe.

Para comprar ou vender créditos de poker, sem burocracia e com segurança. Acesse a ROYALpag.com. Receba em 5 minutos.

Alex Faccini

Alex Faccini

Conheceu o poker em 2006 através da ESPN, em uma mesa que contava com Sam Farha e Phil Ivey. Se apaixonou pelo jogo e pela malandragem de Farha, o único jogador com sangue HUE BR. Passou pelas faculdades de Direito e Publicidade, sem concluir nem uma, nem outra. Apaixonado por cinema, música, literatura e outras artes mais, aprendeu a jogar sinuca em botecos com tiozinhos tomando cachaça, e tem a certeza que vivemos em uma Matrix. Sempre se esquece de encher as formas de gelo.

Salas de Poker