Profissionais Perdem Para Computador em Novo Desafio

Por: 08/03/2017

Bot “DeepStack” superou onze jogadores profissionais em 3 mil mãos

Poker-RobotPela segunda vez em pouquíssimo tempo, um software foi capaz de vencer jogadores profissionais em partidas de poker.

O bot do momento foi o “DeepStack”, desenvolvido em conjunto pelas Universidadee de Alberta, Universidade Técnica Tcheca e a Charles University, em Praga.

33 jogadores foram recrutados pela Federação Internacional de Poker para enfrentar a máquina, e 12 completarem as 3.000 mil mãos do desafio, entre eles o profissional Phil Laak.

Apenas um deles foi capaz de vencer o DeepStack, enquanto os outros chegaram a um “empate estatístico”, apesar de o computador ter terminado as disputas com uma vantagem de quase 50 big blinds a cada 100 mãos.

Apesar de só ter sido divulgado apenas agora, o desafio do DeepStack foi finalizado antes do mais famoso Libratus, tendo se encerrado em dezembro. Ainda assim, o resultado esperou uma revisão de seus pares para poder publicar a pesquisa na revista Science.

Um dos grandes diferenciais do DeepStack sobre o Libratus é a simplicidade no processamento, o que permite que o programa rode em dispositivos mais simples como um laptop.

“O DeepStack venceu com vantagens os novos jogadores, e foi razoavelmente bem, considerando que não é a melhor rede neural possível. Parece ser muito escalonável e há muitas maneiras de melhorar, como acrescentar novas GPUs” disse um pesquisadores da Universidade de Oxford que revisou a pesquisa do software.

 

Curta a página do MaisEV no Facebook e siga-nos no Twitter

 

CONFIRA OS PRINCIPAIS SOFTWARES PARA VOCÊ JOGAR POKER

Danilo Telles

Danilo Telles

Historiador por formação, conheceu o MaisEV em sua primeira semana de vida, ainda em 2007. Em pouco tempo, tornou-se editor-chefe do site para fazer o que faz de melhor: escrever.
Danilo Telles

Veja mais:

Salas de Poker