Phil Galfond Mete a Colher na Polêmica dos Rakes

Por: 28/02/2018

Phil Galfond fala sobre as mudanças do PokerStars e os atritos entre Negreanu e Polk 

phil galfond

Desde o ano passado a Amaya, empresa dona do PokerStars, vem implementando uma série de mudanças que visam favorecer os jogadores recreativos em detrimento dos regulares.

Umas das atitudes tomadas pelo grupo foi o aumento dos rakes, o que gerou grandes discussões na comunidade mundial do poker.

Daniel Negreanu, reconhecidamente um dos jogadores mais populares do jogo e contratado do PS, saiu em defesa das alterações alegando que elas não eram de nenhuma forma tóxicas para os jogadores e sim necessárias para o fortalecimento do site.

Doug Polk, outro exponencial profissional do poker, rebateu duramente a posição do “Kid Poker”, ao insinuar que com o salário de milhares de dólares de Negreanu ele não ousaria ir contra sua contratante.

Mas a história não se encerrou por aí e recentemente o canadense, em seu podcast, criticou a postura de Polk.

Leia na integra: NEGREANU FAZ DURAS CRÍTICAS A DOUG POLK “GOSTA DE CRIAR DRAMA FALANDO MAL DE TODO MUNDO”

Agora foi a vez de outro grande nome dos feltros de deixar sua opinião sobre o assunto. Phil Galfond escreveu em seu blog que tinha deixado de comentar o tema em outra ocasião, mas já que o tópico retornou ele iria aproveitar a oportunidade para falar e o craque não poupou palavras para se expressar.

Acompanhe um trecho da publicação:

“Se Amaya acredita que seus clientes importantes querem jogos imbatíveis e se eles acreditam que os concorrentes estão indo em uma direção diferente falharão, é seu direito se concentrar nesses jogos. Não há absolutamente nada de errado com eles tirando conclusões através seus dados e buscando a melhor decisão possível para seus acionistas.

Blackjack, Roleta, Craps, Poker … você pode chamar todos de jogos de azar, mas você e eu sabemos que o poker é fundamentalmente diferente do resto. Nos apaixonamos pelo poker por causa da beleza que reside nessa diferença.

Não me surpreenderei, se o PokerStars avançar melhorando à medida que eles apresentam jogos  mais rápidos, excitantes, de pouca vantagem e rakes altos. Mas se os jogos são imbatíveis, vão afastar as hordas de pessoas que amam o jogo pelos mesmos motivos que você e eu fazemos.

Sempre existirão milhões de nós que procuram jogar o verdadeiro poker, autêntico e batível. Se o Pokerstars deixar de atender a essa demanda, alguém fará isso.”

Leia o texto na integra, em inglês.

E você, o que pensa sobre o assunto?

 

Curta a página do MaisEV no Facebook e siga-nos no Twitter

 

VEJA OS PRINCIPAIS SOFTWARES PARA JOGAR POKER ONLINE.

Alex Resende

Alex Resende

Envolvido com tecnologia desde muito jovem, encontrei nas ciências biológicas minha verdadeira vocação. Aprecio no poker a atmosfera e toda a gama de variáveis que uma pessoa tem que lidar a cada jogada.

Veja mais:

Salas de Poker