Astro da NBA, Klay Thompson revela tempos difíceis nas mesas de poker contra colegas de time

Por: 06/12/2019

Klay Thompson disse que jogar poker é um dos passatempos preferidos da equipe da Califórnia.

klay thompson 450Se nas quadras a situação não está nada boa para o Golden State Warriors – time da NBA que entrou no “hype” ao conquistar três títulos nos últimos cinco anos – com a equipe de San Francisco exibindo a pior campanha da história da franquia, no pano verde parece que o time conta com alguns “craques” do poker. Foi o que revelou o astro Klay Thompson a Maverick Carter no programa Kneading Dough, na semana passada.

Klay revelou que seu primeiro salário na NBA foi de US$ 35.000, e disse que boa parte era perdido nas mesas de poker para os colegas de time. “O que me matou por algum tempo foi o poker entre os jogadores. A gente tinha alguns sharks no elenco. Jogávamos em todas as viagens e foi uma ótima maneira de criar camaradagem”, revelou Klay, que ainda disse que se sentia indo para a direção da escola quando tinha que contar o ocorrido ao seu consultor financeiro.

O Golden State é uma das franquias onde os jogadores contam com maior grau de liberdade para jogar poker. David Lee, ex-companheiro de Klay, chegou a ter aulas com Phil Hellmuth. Chamath Palihapitiya, um dos donos do time, tem três ITM’s na WSOP e é frequentador assíduo de jogos high stakes, além de ter tamanha intimidade com Phil Hellmuth que ganhou o 13º bracelete conquistado pelo Poker Brat.

Draymond Green participou de uma edição recente do programa Poker After Dark e o time organizou um torneio beneficente em março passado que arrecadou US$ 2 milhões em prol de crianças carentes.

Ainda durante a entrevista, Klay falou sobre seu amor pelo jogo: “Acabei ficando muito melhor no poker, era uma das minhas falhas. Amo jogar cartas”. disse o astro que renovou seu contrato com o time por US$ 190 milhões, um bankroll suficiente para brincar nas mesas.

Alex Faccini

Alex Faccini

Conheceu o poker em 2006 através da ESPN, em uma mesa que contava com Sam Farha e Phil Ivey. Se apaixonou pelo jogo e pela malandragem de Farha, o único jogador com sangue HUE BR. Passou pelas faculdades de Direito e Publicidade, sem concluir nem uma, nem outra. Apaixonado por cinema, música, literatura e outras artes mais, aprendeu a jogar sinuca em botecos com tiozinhos tomando cachaça, e tem a certeza que vivemos em uma Matrix. Sempre se esquece de encher as formas de gelo.

Veja mais:

Salas de Poker