Grupo de jogadores processa Mike Postle e pede US$ 30 milhões em indenização

Por: 10/10/2019

Mike Postle é suspeito de fraude inédita no poker ao vivo.

mike postle veronica brill 450Apenas indícios. Fortes indícios. Mas são essas evidências que fizeram um grupo de jogadores levar o caso de Mike Postle ao tribunal.

Um grupo de 25 jogadores – entre eles a polonesa Veronica Brill, jogadora e comentarista do Stones Gambling Hall, e primeira a tecer desconfianças sobre a performance de Mike – entrou com um processo na última terça-feira (08) em uma corte na Califórnia, requisitando US$ 30 milhões de indenização, que seria dividida entre os autores de acordo com a proporção de minutos jogados no Stones. Os jogadores acusam Mike Postle e o Stones Gambling Hall de fraude, negligência e enriquecimento ilícito, além de outros seis crimes.

O grupo será representado pelo VerStanding Law Firm, escritório que frequentemente defende jogadores de poker e que conta com a profissional de poker Kelly Minkin na sua equipe jurídica.

Embora ainda sem provas concretas do golpe de Mike, a hipótese mais provável aponta que o jogador teria tido acesso ao Poker GFX (software responsável por exibir os gráficos de cartas, ações e stacks durante o streaming), através do celular, e assim soubesse as cartas dos oponentes. Daí a razão de certos maneirismos, como o jogador olhar sempre para o meio das pernas, onde mantinha o telefone, durante as mãos.

A suspeita é de que Mike não teria agido sozinho, e sim contado com a ajuda de Justin Kuraitis, Diretor de Torneios do Stones Hall, que tinha acesso à área técnica onde o equipamento é utilizado e configurado. Outro ponto que aumenta as suspeitas é que as poucas sessões em que Mike saiu perdedor ocorreram durante a WSOP, quando Justin estava em Las Vegas. Além de Justin, mais duas pessoas são citadas no processo.

Alguns acreditam que Mike teria faturado mais de US$ 250 mil em pouco mais de um ano com o golpe, obtendo o impressionante ganho de US$ 830 por hora.

VEJA TAMBÉM: SUSPEITO DE TRAPAÇA EM CASH GAME, MIKE POSTLE DESAFIA DOUG POLK PARA HEADS-UP

 

Curta a página do MaisEV no Facebook siga-nos no Twitter

 

VEJA AQUI OS MELHORES ACESSÓRIOS PARA JOGAR POKER.

Alex Faccini

Alex Faccini

Conheceu o poker em 2006 através da ESPN, em uma mesa que contava com Sam Farha e Phil Ivey. Se apaixonou pelo jogo e pela malandragem de Farha, o único jogador com sangue HUE BR. Passou pelas faculdades de Direito e Publicidade, sem concluir nem uma, nem outra. Apaixonado por cinema, música, literatura e outras artes mais, aprendeu a jogar sinuca em botecos com tiozinhos tomando cachaça, e tem a certeza que vivemos em uma Matrix. Sempre se esquece de encher as formas de gelo.

Salas de Poker