Doyle Brunson bloqueia Doug Polk e Matt Glantz após discussão religiosa

Por: 02/04/2021

Doug Polk deu resposta irônica após Doyle Brunson recomendar livro defendendo o cristianismo

Doyle Brunson

É no Twitter que as grandes tretas do poker (e do mundo) começam, e foi através da rede social do passarinho azul que Doyle Brunson e Doug Polk cortaram relações.

No último dia 31, o Texas Dolly usou a rede para informar que havia bloqueado Doug Polk e o profissional Matt Glantz.

“Tive que bloquear Doug Polk e Matt Glantz. Sempre que há oportunidade eles dizem algo negativo sobre os meus tweets….. quem precisa disso?”, escreveu Doyle.

O início da confusão se deu após um admirador marcar o jornalista e escritor Lee Strobel ao perceber que tanto Doyle Brunson, quanto Daniel Negreanu, falavam sobre seu trabalho. Doyle resolveu dar a sua opinião.

“Qualquer pessoa que não tenha lido este livro, deve lê-lo. É sobre um ateu que investigou a fé cristã e encontrou a verdade”, disse Doyle.

Foi o suficiente para Doug, de forma muito perspicaz, provocar o dono de 10 braceletes da WSOP de forma ácida. “Então ele permaneceu ateu?”.

Já Matt Glantz fez um questionamento mais simples, mas que também não foi bem recebido por Doyle: “Como alguém pode saber a verdade?”.

O Twitter de Brunson foi referente ao livro “Em Defesa de Cristo”, que conta a jornada do jornalista ateu Lee Strobel ao investigar a fé católica e acabar se tornando um seguidor das palavras de Cristo. A obra foi adaptada para o cinema com o mesmo nome, em 2017.

Descrevendo-se como “cristão” em sua biografia na rede social, Doyle volta e meia expõe suas opiniões religiosas na rede. O multi-campeão também é um republicano voraz e seguidamente debate temas políticos.

Muitos seguidores defenderam a atitude de Doyle. “Eu não sigo o Texas Dolly pelas suas opiniões políticas (estou no extremo oposto a ele). Sigo porque ele é um homem interessante que teve uma vida interessante”, disse um deles. Já outro sugeriu uma atitude mais madura e simples. “Doyle, gosto de todos os seus tweets, quer concorde ou não com a opinião. Não sei porque alguém, especialmente jogadores de poker, não leem e apreciam apenas”.

Ironicamente, a banca paga e recebe, e o próprio Doyle também já foi bloqueado na rede. Em 2016, Dolly foi levou o block do recém eleito Donald Trump, mesmo sendo seu apoiador, e ficou sem saber o motivo da barreira.

“Donald Trump me bloqueou no Twitter. Eu era o seu maior apoiador em Nevada. O que aconteceu?”

Para comprar ou vender créditos de poker, sem burocracia e com segurança. Acesse a ROYALpag.com. Receba em 5 minutos.

Alex Faccini

Alex Faccini

Conheceu o poker em 2006 através da ESPN, em uma mesa que contava com Sam Farha e Phil Ivey. Se apaixonou pelo jogo e pela malandragem de Farha, o único jogador com sangue HUE BR. Passou pelas faculdades de Direito e Publicidade, sem concluir nem uma, nem outra. Apaixonado por cinema, música, literatura e outras artes mais, aprendeu a jogar sinuca em botecos com tiozinhos tomando cachaça, e tem a certeza que vivemos em uma Matrix. Sempre se esquece de encher as formas de gelo.

Salas de Poker