Carlos Ronielle puxa forra com terceiro lugar no SCOOP #95-M e Bruno Carbonera é campeão do #95 Low

Por: 29/04/2021

Carlos Ronielle puxou o maior prêmio da carreira com o bronze e Bruno Carbonera levantou a 46ª taça brasuca no SCOOP

Carlos Ronielle

O dia de ontem não foi de apenas retas decisivas nos principais torneios da Spring Championship of Online Poker, mas também contou com o fechamento de outros eventos da série, com vários brasileiros faturando bons prêmios.

O principal destaque foi a boa forra de Carlos Ronielle no SCOOP #95 Medium ($109 NLH, 8-Max PKO) chamado de Series Saver, talvez para “salvar” o ferro de alguns participantes.

Pilotando a conta “ellocoferasi”, Carlos enfrentou o grande field de 10.876 entradas do torneio e apresentou uma boa performance na reta final onde partiu short stack, cresceu a pilha de fichas e chegou até o 3-handed, que foi longo e disputado mas que culminou com a eliminação do brasileiro no pódio. A queda no terceiro lugar rendeu a forra de US$ 48.180, cerca de R$ 258 mil, o maior prêmio da carreira do jogador segundo o site Pocket Five’s.

Já no mesmo torneio Series Saver, mas na versão Low, no SCOOP #95 Low ($11 NLH, 8-Max PKO), o Brasil colocou dois nomes na FT e soltou o grito de campeão.

O autor da façanha foi Bruno Carbonera, piloto da conta “dorgas9”, que não deu chance ao gigantesco field de 28.794 participantes, atropelou todos os adversários e transformou o pequeno investimento em uma belíssima forra de US$ 18.725.

A vitória de Bruno foi a 46ª conquista verde e amarela na série, e o país segue no topo do ranking de títulos por país, muito a frente da Rússia, segunda colocada com 33 vitórias.

Bruno ainda teve a companhia de “RFBPOKER” na mesa final, que também subiu ao pódio e embolsou o bom prêmio de US$ 8.512 com a medalha de bronze.

VEJA TAMBÉM: Pedro Grochocki lidera oito brasileiros no dia final do SCOOP #01 High

Para comprar ou vender créditos de poker, sem burocracia e com segurança. Acesse a ROYALpag.com. Receba em 5 minutos.

Alex Faccini

Alex Faccini

Conheceu o poker em 2006 através da ESPN, em uma mesa que contava com Sam Farha e Phil Ivey. Se apaixonou pelo jogo e pela malandragem de Farha, o único jogador com sangue HUE BR. Passou pelas faculdades de Direito e Publicidade, sem concluir nem uma, nem outra. Apaixonado por cinema, música, literatura e outras artes mais, aprendeu a jogar sinuca em botecos com tiozinhos tomando cachaça, e tem a certeza que vivemos em uma Matrix. Sempre se esquece de encher as formas de gelo.

Salas de Poker