Bwin.party Pode Ser Vendido e Negócio Mudar o Poker Online

Por: 13/11/2014

Grupo bwin.party confirmou o interesse de várias empresas e novo dono pode afetar diretamente a indústria do poker.

Depois da venda do PokerStars e do Fullt Til para a Amaya, agora parece que chegou a vez de outra gigante da indústria mudar de mãos.

O Grupo bwin.party emitiu uma nota que reconhece o interesse de outras empresas em adquiri-la: “Após toda a especulação da mídia em relação a uma possível oferta para a aquisição do bwin.party, a diretoria confirma que há discussões preliminares com diversas partes interessadas, referente a uma possível combinação de negócios em busca de criar maior valor para nossos acionistas”, conforme publicou o site eGaming Review na última quarta-feira.

Criado em 1997, o PartyPoker foi um dos grandes responsáveis pelo boom do poker, principalmente no mercado americano. Com uma vasta publicidade na TV, o site tornou-se rapidamente referência no poker online, principalmente no período entre 2002 e 2003, que coincide com o Efeito Moneymaker (abaixo, o saudoso software-aquário).

A bwin nasceu no mesmo ano (na época betandwin), e tornou-se uma das maiores empresas de apostas online. Em 2009, uma fusão uniu as duas companhias, e as ações da empresa foram negociadas a £205, significando um valor de mercado de mais de £1 bilhão.party poker software old antigo bwin.party google

Venda Poderia Ser Excelente ou Péssima Para o Poker. Entenda

Ainda que não haja informações sobre os grupos interessados, boatos dão conta de que um dos possíveis compradores poderia ser justamente a Amaya.

Caso o rumor se confirme, a notícia seria desastrosa para o poker online. A Amaya teria praticamente um monopólio da indústria e, como tal, os benefícios de uma livre concorrência (que praticamente já não existem), deixariam de existir.

Porém (sempre há um porém), uma outra possível interessada seria a Google, e a entrada da gigante no mercado de poker online seria excelente. O alto grau de investimento possibilitado pela companhia, junto a inovações e a enorme publicidade, provocaria ao menos um mini-boom no mercado.

No ano passado divulgamos uma matéria de que a empresa estaria em negociações com o bwin.party, e com a lenta, mas sólida, volta do poker online aos EUA, a Google poderia realizar uma nova tentativa em entrar para a indústria de jogos online.

Mas o mercado financeiro não comprou a ideia, e reagiu negativamente. As ações da bwin.party apresentam uma queda de 10% no dia de hoje. Os investidores devem ter acreditado na possibilidade da venda, mas não da compra pela Google.

google poker online amaya bwin.party compra venda

Google poderia salvar o poker online.

 

Curta a página do MaisEV no Facebook e siga-nos no Twitter.

 

A Loja MaisEV oferece os principais livros de poker.


Veja mais:

Salas de Poker