Dan Smith vence $25K Heads-Up da WSOP e conquista seu primeiro bracelete

Home » Dan Smith vence $25K Heads-Up da WSOP e conquista seu primeiro bracelete

Dan Smith saiu da lista de “bons jogadores sem bracelete” ao derrotar craque alemão Christoph Vogelsang na partida final

Os braceletes da WSOP significam um feito dos mais importantes no mundo do poker e, mesmo com o surgimento de diversas disputas online, muitos nomes consagrados do jogo ainda não conseguiram alcançar a glória da World Series of Poker. Porém, o craque Dan Smith deixou a ingrata lista e ingressou no clube de campeões da série ao vencer o Evento #6 (US$ 25.000, Heads-Up No-Limit Hold’em Championship) no último dia 4.

“Não sou tipicamente uma pessoa sentimental, mas hoje é e era sobre o bracelete. Tive que ter sorte para chegar lá, mas vou levá-la”, admitiu Dan, que embolsou US$ 509.717 com a conquista.

Para chegar até a joia, Smith derrubou o field de 64 fortes participantes, e eliminou Jake Daniels antes de passar pelo craque húngaro dos high stakes online Laszlo Bujtas, conhecido pelo screen name “omaha4rollz”, na segunda fase.

VEJA TAMBÉM: Scott Seiver confirma tetracampeonato com título no Evento #3 da WSOP

Já nas oitavas de final ele levou a melhor sobre o canadense Alex Foxen para garantir um lugar no ITM, e nas quartas de final deixou o norte-americano comendo poeira. A vitória sobre o italiano Dario Sammartino garantiu um lugar na final para enfrentar o craque alemão Christoph Vogelsang, que também brigava pela conquista inédita. E a decisão foi cheia de reviravoltas.

O início lento favoreceu Vogelsang, que foi ganhando pequenos potes até chegar a possuir o dobro do stack do adversário. Após Smith arriscar um blefe e achá-lo com um flush, o alemão chegou a ter o triplo de fichas de Smith, que escapou da eliminação após longas 3 horas de jogo.

Após o double-up, Dan não desperdiçou a chance de fechar o duelo na mão seguinte. Nos blinds 60.000/120.000, Smith deu limp e Christoph respondeu com um raise para 550.000. Smith anunciou all-in e o alemão deu snap call.

Dan Smith: A4

Christoph Vogelsang: A107

O ás dominante de Vogelsang o colocava como favorito, mas o jogo mudou já na tampa do flop 482, que pulverizou a vantagem do alemão e o deixou dependente de três outs, que não vieram no turn 7 nem no river 3. O vice-campeonato de Christoph, entretanto, valeu US$ 315.029, que admitiu a dificuldade da partida.

“Foi uma partida difícil, muitas mãos foram bastante loucas e parecia que tudo estava indo contra mim”, disse Dan, que se mostrou aliviado, de certa forma, em ter conseguido soltar o grito de campeão na WSOP.

“Era algo que eu sempre estava pensando. Mas eu não estava muito estressado sobre isso não ter acontecido ainda”.

Um dos jogadores mais consagrados do poker mundial, alcançando US$ 38,7 milhões em prêmios, a oitava marca da All-Time Money List, Dan havia chegado perto do bracelete em diversas ocasiões. Foram seis terceiros lugares e um vice-campeonato, no caro $111.111 High Roller For One Drop, em 2016, que valeu US$ 3.078.974, até a glória. Curiosamente, Dan deu uma rara demonstração de transparência no ano passado, quando revelou o prejuízo de US$ 1,3 milhão na série.

CONFIRA: João Soares, Rafael Fernandes e Ricardo Neto avançam no Dia 1C do Housewarming da WSOP

“Estou muito orgulhoso do que consegui no poker e acho que esta é uma importante marca no meu legado como um dos All-Timers. Por mais selvagem que isso seja, estou ainda mais orgulhoso do que toda a comunidade de poker e eu nos unimos para fazer com o Double Up Drive. Angariamos US$ 25 milhões para boas causas e, enquanto eu adoro o poker, milhares de pessoas que teriam morrido estão vivas agora por causa disso. Estou feliz que o poker tem sido maneira para fazer este bem, mas estou imensamente orgulhoso e otimista de que ele continuará a fazer bem”, disse Dan sobre a sua satisfação em ter criado a Double Up Drive, iniciativa que iguala o valor de doações e repassa os fundos a instituições de caridade responsáveis por combater a miséria, assistir refugiados e promover o bem-estar social nos quatro cantos do mundo.

Com 64 entradas, o Evento #6 da WSOP contou com as participações de nomes como Phil Ivey, Daniel Negreanu e Erik Seidel, todos fora da zona de premiação. O Brasil, por sua vez, foi representado por Felipe Mojave, que foi eliminado por Chance Kornuth na primeira fase. O prizepool de US$ 1.512.000 foi repartido apenas entre os oito melhores.

RESULTADO EVENTO #6 WSOP 2022

#JOGADORPAÍSPrize
1Dan SmithEUAUS$ 509.717
2Christoph VogelsangAlemanhaUS$ 315.029
3Dario SammartinoItáliaUS$ 193.537
4Kevin RabichowEUAUS$ 193.537
5Sean WinterEUAUS$ 75.045
6Jonathan JaffeEUAUS$ 75.045
7Chance KornuthEUAUS$ 75.045
8Dylan DestefanoEUAUS$ 75.045

Para comprar ou vender créditos de poker, sem burocracia e com segurança. Acesse a ROYALpag.com. Receba em 5 minutos.

Salas de poker
partypoker
4,8 rating
Bônus de boas-vindas com até $30 em ingressos SPINS
GGPoker
4,8 rating
Bônus de boas-vindas de 100% até US$ 600
Bodog
4,5 rating
Bônus de boas-vindas de até US$ 1.000
PokerKing
4,3 rating
Bônus de boas-vindas de 100% até US$ 2.000
PokerStars
4,0 rating
Bônus de boas-vindas de 100% até $600 e $30 grátis
888poker
3,8 rating
Bônus de boas-vindas de 100% até US$ 400
Código de bônus
Código de bônus WELCOME100