Henrik Hecklen e Kurganov Lideram Dia 1 do $100K Super High Roller do PCA

Por: 11/01/2019

Henrik Hecklen ficou no topo no primeiro dia do que deve ser o maior Super High Roller do PCA.

henrik hecklen igor kurganov 450O dia 1 do Super High Roller (US$100.000, NLH) registrou 56 entradas e viu o dinamarquês Henrik Heclken terminar o dia inicial no topo. Em grande fase após vencer o High Roller do EPT Praga, o último grande torneio de 2018, Henrik acumulou 1.264.000 fichas, e é seguido de perto pelo russo Igor Kurganov, outro único jogador com stack de sete dígitos com 1.050.000. O super craque dos High Rollers Steve O’Dwyer fecha os três melhores colocados, com 889.000 fichas;

Como não poderia deixar de ser, há apenas craques no field. Dominik Nitsche (679.000), Christopher Kruk (600.000), Talal Shakerchi (587.000), Mustapha Kanit (558.000), Justin Bonomo (548.000), Steffen Sontheimer (459.000) e Isaac Haxton (434.000) encontram-se acima da média de 424.242 fichas. Já Benjamin Pollak (424.000), Christoph Vogelsang (354.000), Alex Foxen (349.000), Patrik Antonius (348,000), Chris Hunichen (289.000), o campeão do $50K Single Day High Roller Rainer Kempe (274.000) e Mikita Badziakouski (240.000) pilotarão stacks abaixo do average.

A expectativa é de que Super High Roller torne-se o maior evento da modalidade da história do PCA. O recorde é da edição de 2015, quando o field registrou 66 entradas e viu O’Dwyer levar a melhor e faturar US$ 1.872.580 com a vitória.

As inscrições seguem abertas até o início do dia 2, às 15:30 (de Brasília), com os blinds retornando em 3.000/6.000 big blind ante 6.000

 

(Fotos: Carlos Monti/PokerStars Blog)

 

Curta a página do MaisEV no Facebook e siga-nos no Twitter

 

CONHEÇA OS MELHORES SOFTWARES PARA GRINDAR NO POKERSTARS.

Alex Faccini

Alex Faccini

Conheceu o poker em 2006 através da ESPN, em uma mesa que contava com Sam Farha e Phil Ivey. Se apaixonou pelo jogo e pela malandragem de Farha, o único jogador com sangue HUE BR. Passou pelas faculdades de Direito e Publicidade, sem concluir nem uma, nem outra. Apaixonado por cinema, música, literatura e outras artes mais, aprendeu a jogar sinuca em botecos com tiozinhos tomando cachaça, e tem a certeza que vivemos em uma Matrix. Sempre se esquece de encher as formas de gelo.

Veja mais:

Salas de Poker