Governo Federal vê na legalização dos cassinos um caminho para reanimar a economia

Por: 20/05/2020

Bolsonaro estaria disposto a apoiar a legalização dos jogos de azar caso a bancada evangélica ficasse neutra

legalização jogos de azar

Segundo matéria veiculada pela revista Veja o presidente Jair Bolsonaro estaria disposto a apoiar a reabertura dos cassinos em território nacional como forma de fomentar o crescimento econômico.

As projeções econômicas que já não iam bem, despencaram com a crise do Coronavírus, e o governo busca meios para reverter o números já muito negativos.

Bolsonaro, que durante a campanha se posicionou contra a legalização dos jogos de azar por considerar que o cassinos seriam usados para lavagem de dinheiro e para destruição das famílias, se disse inclinado a apostar suas fichas no setor caso a bancada evangélica aceitasse ficar neutra no assunto.

Outro caminho seria o Governo Federal permitir que os próprios estados legislassem sobre o assunto dentro dos limites dos seus territórios, transferindo o atrito com os ultraconservadores direto para os governadores.

O lobby se intensificou depois que o filho do presidente, Flávio Bolsonaro, esteve em Las Vegas e se reuniu com o CEO e presidente da Las Vegas Sands Corporation, Sheldon Adelson, que teria demostrando a força dos cassinos na economia.

Porém, mesmo diante de um cenário fictício onde os cassinos poderiam se instalar no Brasil ainda resta a pergunta: será que os investidores estariam interessados em arriscar milhares de dólares no setor, num mundo tão incerto pós-pandemia?

Alex Resende

Alex Resende

Envolvido com tecnologia desde muito jovem, encontrei nas ciências biológicas minha verdadeira vocação. Aprecio no poker a atmosfera e toda a gama de variáveis que uma pessoa tem que lidar a cada jogada.

Veja mais:

Salas de Poker