Em Heads-Up de Apenas Uma Mão, Christopher Brammer é Campeão do EVento #45 da WSOP

Por: 29/06/2017

Christopher Brammer conquistou o bracelete depois de ser quinto colocado em duas mesas finais da WSOP.

christopher brammer 450Disputas de heads-up costumam ser longas. A diferença de premiação entre o primeiro e segundo lugar costuma ser grande e o desejo de conquistar um título geralmente motiva os jogadores a jogarem tudo que sabem para conquistar as fichas adversárias. Mas não foi o que se viu na decisão do Evento #45 ($5.000, No-Limit Hold’em), no último final de semana.

Em apenas uma mão, Christopher Brammer derrotou Jett Schencker e faturou US$ US$ 527.555 mais o desejado bracelete da série.

Na única mão do duelo, Jett aumentou para 500.000 do botão e Chris respondeu com uma 3-bet all-in, sendo pago na hora.

Christopher Brammer: QT

Jett Schencker: AJ

O flop T42acertou a mão de Christopher, e o turn 8 e o river K confirmaram a vitória de Christopher, que já havia sido quinto colocado duas vezes na WSOP.

“O quinto lugar no $10.000 Championship 6-Handed, em 2012, doeu muito. Ainda fiz mesa final na WSOP Europa no mesmo ano e, desde então, tenho vindo todos os anos, sem sucesso”, disse Christopher.

O Evento #45 teve 505 entradas e distribuiu US$ 2,3 milhões em prêmios, entre eles US$ 8.436 ao brasileiro Felipe Mojave, único jogador do país ITM.

Resultado da Mesa Final do Evento #45

1º- Chris Brammer: US$ 527.555
2º- Jett Schencker:  US$ 326.051
3º- Yevgeniy Timoshenko: US$ 223.574
4º- Rui Ye:  US$ 156.022
5º- Tobias Ziegler:  US$ 110.845
6º- Oliver Weis:  US$ 80.196
7º- Michael Brinkenhoff:  US$ 59.107
8º- Alex Foxen:  US$ 44.395
9º- Diego Sanchez: US$ 33.993

 

Curta a página do MaisEV no Facebook siga-nos no Twitter

 

CONFIRA OS MELHORES SOFTWARES PARA TORNEIOS ONLINE.

Alex Faccini

Alex Faccini

Conheceu o poker em 2006 através da ESPN, em uma mesa que contava com Sam Farha e Phil Ivey. Se apaixonou pelo jogo e pela malandragem de Farha, o único jogador com sangue HUE BR. Passou pelas faculdades de Direito e Publicidade, sem concluir nem uma, nem outra. Apaixonado por cinema, música, literatura e outras artes mais, aprendeu a jogar sinuca em botecos com tiozinhos tomando cachaça, e tem a certeza que vivemos em uma Matrix. Sempre se esquece de encher as formas de gelo.

Veja mais:

Salas de Poker