Daniel Negreanu organiza torneio de poker em apoio ao pré-candidato democrata Andrew Yang

Por: 04/12/2019

Legalização do poker online é uma das principais bandeiras de Andrew Yang para concorrer à presidência dos Estados Unidos em 2020.

daniel negreanu andrew yang 450Mês passado, Daniel Negreanu expressou seu apoio ao pré-candidato Andrew Yang depois que ele declarou que o poker online deveria ser legalizado. Agora, o KidPoker realizará um torneio de poker para angariar fundos para a campanha do candidato.

Junto das entusiastas de poker e filantropas Lena Evans e Katie Kalvoda, o evento chamado “Bet on Yang” será realizado dia 15 de dezembro, no Mosaic Theater, em Las Vegas, e contará com um torneio de poker com buy-in de US$ 2.800 que será revertido para o fundo de campanha de Yang.

Os participantes do torneio concorrerão a diversas experiências, entre elas aulas com Antonio Esfandiari, Jeff Madsen e Dutch Boyd, uma experiência VIP com o DJ Steve Aoki, e um passeio no iate do magnata Bill Perkins.

Com um cocktail de boas-vindas horas antes do evento, os participantes que não quiserem jogar o torneio poderão contribuir com a campanha através de convites de US$ 300, US$ 500 ou US$ 1.000, ou realizar uma doação de qualquer valor nesta página.

Formado em Economia e Direito, Yang fez a sua carreira participando de várias startups e, em 2012, foi agraciado pela Casa Branca com o prêmio “Champions of Change”, que destaca americanos que realizaram impactos significativos em comunidades. Ele tem Joe Biden e Bernie Sanders como principais adversários na candidatura democrata à Casa Branca, segundo o site Politico.

Na página de sua campanha, ele cita a possibilidade do governo arrecadar US$ 2,2 bilhões em impostos com a legalização do poker a nível federal.

Buscando apoio massivo da comunidade de poker, uma aparição do candidato no podcast de Joey Ingram é esperada para ocorrer em breve.

Alex Faccini

Alex Faccini

Conheceu o poker em 2006 através da ESPN, em uma mesa que contava com Sam Farha e Phil Ivey. Se apaixonou pelo jogo e pela malandragem de Farha, o único jogador com sangue HUE BR. Passou pelas faculdades de Direito e Publicidade, sem concluir nem uma, nem outra. Apaixonado por cinema, música, literatura e outras artes mais, aprendeu a jogar sinuca em botecos com tiozinhos tomando cachaça, e tem a certeza que vivemos em uma Matrix. Sempre se esquece de encher as formas de gelo.

Veja mais:

Salas de Poker