Chris Moneymaker e David Oppenheim entram para o Hall da Fama da WSOP

Por: 16/07/2019

Chris Moneymaker mudou o mundo do poker e David Oppenheim é craque dos cash games.

hall da fama momeymaker 450A WSOP anunciou ontem – dia 15 – os indicados para integrar o seu Hall da Fama, e Chris Moneymaker e David Oppenheim se tornaram o 57º e 58º integrantes do clube de elite do poker.

Chris Moneymaker dispensa apresentações. A saga do contador de Atlanta – que realmente tem Moneymaker, fazedor de dinheiro, em uma tradução livre, no RG – no Main Event da WSOP de 2003, foi responsável por gerar o boom do poker e virou léxico: o fenômeno é conhecido como “Moneymaker Effect”. Ao transformar $33 investidos em um satélite no PokerStars na entrada ao ME e depois no prêmio de US$ 2.500.000, Chris mudou o mundo do jogo e você e eu conhecemos o poker, e o MaisEV e inúmeros outros sites existem, por causa da história digna de Hollywood de Chris.

Com 43 anos, Moneymaker não pode ser considerado um dos grandes do jogo em termos técnicos, já que depois da sua vitória ele acumulou “apenas” US$ 1,3 milhão em prêmios ao longo de 16 anos, porém, nenhum nome merece mais estar presente no Hall da Fama do Poker.

Já David Oppenheim pode não ser lá muito conhecido do público em geral, mas tem motivos para estar no Hall. Mesmo com US$ 1,9 milhão em ganhos na carreira, o jogador da Califórnia de 46 anos é conhecido por ser um dos jogadores mais temidos nas mesas de cash games, onde atua nos jogos caros há mais de 25 anos.

O Hall da Fama é composto por 30 membros do clube mais 21 membros da mídia. Para ser indicado, o jogador deve preencher alguns requisitos, como ter mais de 40 anos de idade, participar de jogos caros e resistir ao teste do tempo, ou seja, ser respeitado por jogadores durante anos.

Abaixo, a lista completa dos membros do Hall, por ordem alfabética de sobrenome, e ao lado o ano de indicação ao Hall da Fama.

Tom Abdo ‘82
Crandell Addington ‘05
Bobby Baldwin ‘03
Billy Baxter ‘06
Lyle Berman ‘02
Joe Bernstein ‘83
Benny Binion ‘90
Jack Binion ‘05
Bill Boyd ‘81
Doyle Brunson ‘88
Todd Brunson ‘16
Johnny Chan ‘02
T.J. Cloutier ‘06
Nick Dandolos ‘79
Eric Drache ‘12
Barbara Enright ‘07
Mori Eskandani ‘18
Fred “Sarge” Ferris ‘89
Henry Green ‘86
T “Blondie” Forbes ‘80
Barry Greenstein ‘11
Jennifer Harman ‘15
Dan Harrington ‘10
Murph Harrold ‘84
Phil Hellmuth ‘07
John Hennigan ‘18
James Butler “Wild Bill” Hickok ‘79
Red Hodges ‘85
Edmond Hoyle ‘79
Phil Ivey ‘17
Linda Johnson ‘11
Berry Johnston ‘04
John Juanda ‘15
Jack Keller ‘93
Jack McClelland ‘14
Felton McCorquodale ‘79
Tom McEvoy ‘13
Chris Moneymaker ‘19
Roger Moore ‘97
Carlos Mortensen ‘16
Johnny Moss ‘79
Daniel Negreanu ‘14
Scotty Nguyen ‘13
David Oppenheim ‘19
Henry Orenstein ‘08
Walter “Puggy” Pearson ‘87
Julius Oral Popwell ‘96
Thomas Austin “Amarillo Slim” Preston ‘92
David “Chip” Reese ‘91
Brian “Sailor” Roberts ‘12
Erik Seidel ‘10
Mike Sexton ‘09
Jack “Treetop” Straus ‘88
Duane “Dewey” Tomko ‘08
David “Devilfish” Ulliott ‘17
Stu “The Kid” Ungar ‘01
Red Winn ‘79
Sid Wyman ‘79

Alex Faccini

Alex Faccini

Conheceu o poker em 2006 através da ESPN, em uma mesa que contava com Sam Farha e Phil Ivey. Se apaixonou pelo jogo e pela malandragem de Farha, o único jogador com sangue HUE BR. Passou pelas faculdades de Direito e Publicidade, sem concluir nem uma, nem outra. Apaixonado por cinema, música, literatura e outras artes mais, aprendeu a jogar sinuca em botecos com tiozinhos tomando cachaça, e tem a certeza que vivemos em uma Matrix. Sempre se esquece de encher as formas de gelo.

Veja mais:

Salas de Poker