“Call As Bluff” e “bauruzito” Arrasam nos The Big do PokerStars

Por: 29/07/2014

Enquanto “Call As Bluff” foi vice no The Big $109, bauruzito foi quarto no The Big $162.

A segunda-feira contou com muitos brasileiros conquistando bons resultados nos torneios online.

Com o belo screen name “CallAsBluff”, ele enfrentou 1.044 jogadores no The Big $109 e faturou o vice-campeonato. A medalha de prata valeu US$ 13.407, o maior prêmio entre os brasucas no dia.

The Big 109 Call As Bluff Vice

Field semelhante ocorreu no The Hot $44, onde 1.274 inscritos correram atrás do título, que ficou nas mãos de “Reef-sp”. Com a taça, ele embolsou US$ 8.670.

Outro belo prêmio saiu do The Big $162, em que “bauruzito” beliscou o pódio na quarta colocação e puxou US$ 7.216.

O $1,10+R 3x-Turbo contou com o maior field do dia no PokerStars: 9.177 jogadores se inscreveram e dois brasileiro chegaram à mesa final. “AmandaMartin” foi vice-campeã e ganhou US$ 7.070, enquanto “mAArstins93” ficou em quarto e também viu seu investimento  inicial render bem: US$ 3.456 para o bankroll.

Os usuários do MaisEV também não tem do que se queixar. A fera Andrey Luis quase atingiu a marca de US$ 5 mil em faturamento, e dois resultados contribuíram para a soma: a quarta posição no $22 NLH 1R1A valeu US$ 1.912, e o vice-campeonato no $54 NLH K.O. garantiu US$ 1.470.

Geraldo César se aproximou dos US$ 3 mil em prêmios e grande parte da soma ocorreu com o título no $8,80 NLH 1R1A, em que atropelou 660 adversários e embolsou US$ 2.464.

Já o craque “keyhell” conquistou uma forrinha no início da semana com a quinta colocação no $109 NH Turbo 2x-Chance, e levou para casa US$ 1.280.

 

Curta a página do MaisEV no Facebook e siga-nos no Twitter.

 

Passe na Loja MaisEV e confira os melhores softwares para forrar no poker online.

Alex Faccini

Alex Faccini

Conheceu o poker em 2006 através da ESPN, em uma mesa que contava com Sam Farha e Phil Ivey. Se apaixonou pelo jogo e pela malandragem de Farha, o único jogador com sangue HUE BR. Passou pelas faculdades de Direito e Publicidade, sem concluir nem uma, nem outra. Apaixonado por cinema, música, literatura e outras artes mais, aprendeu a jogar sinuca em botecos com tiozinhos tomando cachaça, e tem a certeza que vivemos em uma Matrix. Sempre se esquece de encher as formas de gelo.

Veja mais:

Salas de Poker