Pietro Campani Lidera Dia 1B do Main Event do 888 Festival

Por: 29/04/2016

888 Festival reuniu grandes nomes do poker em salão lotado.

dia 1b

O salão do Infinity Blue Resort ficou completamente lotado nesta quinta-feira, dia 28, com o dia 1B do Main Event do 888 Festival.

Foram 252 entradas, e passaram pelas mesas grandes nomes do poker brasileiro. Alguns avançaram. Outros, ficaram pelo caminho.

Fabiano Kovalski, o kovalski1 no online, passou  com 133.700 fichas. Já Renan “Internett93o” Bruschi, ao contrário da última quarta-feira, sobreviveu aos 10 niveis de blinds e ensacou 92.000 fichas. Stetson Fraiha é outra fera que avançou e acumulou 76.900 fichas.Pietro Angelo

Mas ninguém foi melhor que Pietro Angelo Campani (ao lado). O jogador de Ubatuba ensacou 344.600 fichas e junto a Diego Dill, com 307.600 fichas, foi o único a passar a barreira de 300.000 de stack.

Rafael “Lirola” Monteiro e Igiani Bertoldi não tiveram a mesma sorte e caíram nos minutos finais do dia.

No total, foram 207 entradas e 45 reentradas no dia 1B, elevando o total do Main Event do 888 Festival para 364 entradas. 70 jogadores do dia 1B garantiram presença no dia 2.

A quinta-feira também contou com a presença de Nicolau Villa-Lobos e Bruno Kawauti, mas não exatamente nos feltros. Ao menos nos do Main Event. Os dois participaram de uma ação que contemplou quatro jogadores com prêmios e um “coach” grátis.

O dia 1C inicia às 19 horas e, novamente, é esperado que o salão do Infinity fique lotado.

Aqui você pode conferir a nossa cobertura e mais detalhes do dia 1B.

 

Curta a página do MaisEV no Facebook siga-nos no Twitter

 

VEJA AQUI OS PRINCIPAIS LIVROS DE ESTRATÉGIA PARA TORNEIOS

Alex Faccini

Alex Faccini

Conheceu o poker em 2006 através da ESPN, em uma mesa que contava com Sam Farha e Phil Ivey. Se apaixonou pelo jogo e pela malandragem de Farha, o único jogador com sangue HUE BR. Passou pelas faculdades de Direito e Publicidade, sem concluir nem uma, nem outra. Apaixonado por cinema, música, literatura e outras artes mais, aprendeu a jogar sinuca em botecos com tiozinhos tomando cachaça, e tem a certeza que vivemos em uma Matrix. Sempre se esquece de encher as formas de gelo.

Veja mais:

Salas de Poker