Segunda-Feira Passa em Branco Para os Brasileiros no WSOP

Por: 04/06/2013

Os jogadores brasileiros continuam na briga por um bracelete nesta edição do WSOP, mas nenhum deles conseguiu avançar nos eventos da última segunda-feira.

O Evento 9 (US$3.000 No-Limit Hold’em Shootout), que tinha field limitado a 2.000 jogadores, atraiu “apenas” 477 inscrições, e a única brasileira foi a de Thiago “Decano” Nishijima.

Decano tentou repetir seu desempenho no ano passado, quando foi finalista neste mesmo evento, mas acabou eliminado ainda no primeiro dia.

 

O torneio segue com 60 jogadores liderados por Sunil Aggarwal, com 70.400 fichas. O “semi-brasileiro” David Baker, namorado da nossa Maridu, também segue entre as cabeças, com o 3º melhor stack, de 71.600 fichas. Eles disputam um prêmio total de US$1.3 milhão, com US$299.4 mil para o campeão.

Já no Evento 10 (US$1.500 Limit Hold’em), o campeão André Akkari fez sua estréia neste World Series of Poker, mas também não chegou muito longe, sendo eliminado logo no dia 1.

Akkari não foi nosso único representante no Evento 10. Marco Oliveira também estava entre os 645 jogadores registrados, mas também deixou o torneio mais cedo.

177 jogadores permanecem na disputa pelo prêmio de US$191.6 mil e o bracelete de ouro. O melhor deles é Thomas Bliznkiak, com 45.700 fichas. Também avançaram Nick Schulman, Kevin MacPhee, John Monnette e Hoyt Corkins.

Historiador por formação, conheceu o MaisEV em sua primeira semana de vida, ainda em 2007. Em pouco tempo, tornou-se editor-chefe do site para fazer o que faz de melhor: escrever.

Veja mais:

Salas de Poker