Resumo GPL Dia 6: Jason Mercier Humilha Galfond e Olivier Segue Dominando

Por: 15/04/2016

Galfond não teve chances e sofreu passeio de Jason Mercier.

Era um dos confrontos mais aguardados da Global Poker League. De um lado Phil Galfond, o OMGClayAiken dos high stakes, um dos grandes teóricos do jogo e um dos grandes nomes dos nosebleeds, defendendo as cores do San Francisco Rush. De outro o Team Pro PokerStars Jason Mercier, um dos jogadores mais bem sucedidos a fazer a transição dos jogos online para os torneios ao vivo, onde soma US$ 16 milhões em ganhos, defendendo a camisa do New York Rounders.

O duelo contou com comentários dos dois jogadores. Entretanto, desta vez tanta fala atrapalhou. Para não ficar com uma voz sobre a outra, a organização deixava alguém no mute, e às vezes o jogador estava no meio de uma interessante explicação.

Não vale a pena falarmos de mãos em particular do duelo. Todo o confronto contou com boas análises dos dois gênios e é uma verdadeira aula de poker. A nossa sugestão é que você assista o duelo na íntegra pra tentar compreender um pouco o nível de pensamento de jogadores dessa envergadura.

No Twitter, Galfond, que admitiu não ser especialista e que há tempos não jogava heads-up de N-Limit Hold’em, falou sobre o tufo que tomou: “Tirei meu chapéu para Jason Mercier.Me ganhou bonito. Havia esquecido com heads-up de NLH é divertido. Ansioso para as próximas partidas”.

Já Mercier mostrou cavalheirismo e celebrou com seu cachorro a vitória sobre Galfond.

 


 

BUSQUET LEVA A MELHOR NOVAMENTE

O outro duelo do dia ocorreu entre o craque Olivier Busquet (LA Sunset) e Jonathan Duhamel (LV Moneymakers).

Busquet já havia levado a melhor na primeira semana de heads-up quando encarou Darren Elias, do São Paulo Mets, e voltou a mostrar que é um dos principais jogadores de heads-up do planeta.

Mesmo em um jogo rápido, com alta variância e influência da boa sorte das cartas, Busquet se manteve a frente em boa parte dos três jogos, e o placar de 2-1 reflete algum esforço de Duhamel, que foi esperto em ajustar sua estratégia, mas que não foi suficiente para escapar de Busquet, que percebeu o ajuste e também mudou de marcha. Heads-up de alto nível e que também merece ser conferido na íntegra por estudiosos do jogo.

Em seis partidas disputadas, Busquet venceu quatro e perdeu duas, e dificilmente não terá um saldo bem positivo nos confrontos de heads-up.

A rodada foi péssima para o São Paulo Metropolitans, que ocupa a lanterna da conferência americana com apenas 13 pontos, distante 16 pontos do Montreal Nationals, e seis pontos atrás do Las Vegas Moneymakers que é o quarto colocado e último time, hoje, que avançaria aos playoffs.

A GPL retorna semana que vem, terça-feira, com os jogos 6-max, onde a equipe brasileira precisa somar pontos para sair da incômoda posição e se aproximar dos quatro melhores.

classificação america week 2

Curta a página do MaisEV no Facebook e siga-nos no Twitter

 

VEJA OS MELHORES LIVROS PARA APRENDER A JOGAR HU.


Veja mais:

Salas de Poker