Profissional de Poker é Acusado de Liderar Esquema de Fraudes de $31 Milhões

Por: 20/11/2015

O jogador profissional Travell Thomas foi acusado de fraudar US$ 31 milhões em cobranças de dívidas

Travell Thomas

O jogador profissional de poker Travell Thomas, conhecido por circular nos torneios ao vivo dos Estados Unidos e ter mais de US$ 500 mil em ganhos, foi acusado pela justiça federal dos EUA por orquestrar um esquema de fraudes e cobrança coerciva de dívidas.

Segundo o promotor Preet Bharara – o mesmo responsável pelas acusações da Black Friday – Travell Thomas é fundador e CEO de uma empresa de cobrança de dívidas que, através de métodos não-convencionais, tomou mais de US$ 31 milhões de vítimas por todo o país.

“Os réus são acusados de enganar e coagir vítimas a fazer pagamentos para a empresa, usando de falsas ameaças e contando uma série de mentiras, entre elas a empresa ser uma firma de advocacia e a emissão de mandados de prisão para quem não pagasse as dívidas,” diz um trecho do comunicado emitido pelo promotor.

De acordo com o processo, Thomas ainda recebeu US$ 750.000 em dinheiro para pagar “gastos com jogos, entradas para jogos esportivos, festa de casamento, joías, cirurgia plástica para sua esposa, entre outros gastos.”

Se condenado, Travell Thomas, que tem em seu currículo no poker duas vitórias no WSOP Circuit, pode encarar até 40 anos de prisão.

 

Curta a página do MaisEV no Facebook siga-nos no Twitter.

 

AQUI NA LOJA MAISEV VOCÊ ENCONTRA OS PRINCIPAIS ACESSÓRIOS PARA JOGAR POKER.

Historiador por formação, conheceu o MaisEV em sua primeira semana de vida, ainda em 2007. Em pouco tempo, tornou-se editor-chefe do site para fazer o que faz de melhor: escrever.

Veja mais:

Salas de Poker