PokerStars Nega Acusações do Depto de Justiça

Por: 20/04/2011

A mensagem, que pode ser vista em um pop-up no software, nega as acusações e diz que a empresa tem como sua prioridade máxima pagar os jogadores dos EUA. Veja a mensagem abaixo:

“O PokerStars nega categoricamente as acusações feitas pelo Departamento de Justiça dos USA em 15/4/2011 e está tomando todas as medidas cabíveis para se defender, assim como os dois indivíduos mencionados na acusação. Enquanto isso, a empresa deixou de oferecer jogos de dinheiro real nos Estados Unidos.

Os serviços do PokerStars fora dos EUA não foram afetados. Recebemos garantias da empresa regulamentadora em Isle of Man de que a licença permanece inalterada.

(…)Devolver os fundos dos jogadores dos EUA é a maior prioridade do PokerStars e a empresa agora pode iniciar o processo de retornar o dinheiro de seus ex-clientes estadunidenses.

Todos os depósitos efetuados no PokerStars estão seguros.  As leis de licenciamento da Isle of Man (similares aos outros locais onde o PokerStars é licenciado) ditam que todos os fundos sejam guardados em contas separadas dos bens da empresa. O PokerStars sempre respeitou e vai continuar respeitando esse requerimento. Estes fundos estão prontos para atenderem a demanda de saques, e o PokerStars continua realizando os saques requeridos pelos jogadores de fora do EUA normalmente.

O PokerStars continua funcionando normalmente fora dos EUA.”

 

Historiador por formação, conheceu o MaisEV em sua primeira semana de vida, ainda em 2007. Em pouco tempo, tornou-se editor-chefe do site para fazer o que faz de melhor: escrever.

Veja mais:

Salas de Poker