Doyle Brunson Defende Howard Lederer em Post Sobre a Black Friday

Por: 23/02/2012

Segundo ele, os ataques a Howard Lederer devem ser redirecionados ao verdadeiro culpado, Ray Bitar, que administrava a empresa.

“Lederer era o presidente do FT e foi muito importante no crescimento do site. Mas lembrem-se, isso foi em 2008 e Lederer se retirou da presidência um ano depois. Bitar ficou no poder e conhecia todas as operações internas do FT.”

“Estive em contato com Lederer nos últimos meses. Quando alguém que conheço por anos, confio e respeito, olha bem nos meus olhos e me diz que não sabia dos problemas financeiros, pode me chamar de velho idiota do Texas, porque eu  acredito. Eu ainda não falei com Ferguson, mas pelo que Lederer me disse, ele também não sabia. Há pelo menos 4 acionistas que tem mais partes do FT do que Lederer. Onde estão eles? A culpa deve ser compartilhada SE for verdade que Lederer e Ferguson não sabiam dos problemas financeiros.”

Embora diga que Ray Bitar é o verdadeiro culpado, Doyle acredita que suas ações não foram mal intencionadas.

“Exatamente como o FT perdeu o dinheiro não está claro para mim. Algo aconteceu com os processadores de pagamento, cheques eletrônicos que não podiam sacar, etc. eles perderam a maneira de colocar dinheiro no site. Bitar estava no poder e obviamente tomou algumas decisões ruins. Ele entrou em problemas financeiros e ao invés de dizer aos acionistas, pensou que poderia dar um jeito de resolver. Então ele continuou enviando grandes dividendos para ele, dando a ilusão de que tudo estava bem. Bitar obviamente era um cara muito esperto e as coisas poderiam ter se resolvido, mas a Black Friday aconteceu e tudo veio a tona.”

Doyle também comentou sobre o silêncio do Full Tilt em relação aos problemas da Black Friday e do acordo de venda.

“O acordo está sendo negociado, o que mais há pra dizer? Se você nunca esteve envolvido em uma investigação FEDERAL, provavelmente não entende. Se você tem chances de ir pra cadeia e seus advogados dizem pra permanecer em silêncio, você diria algo? Quando o governo diz ‘tudo que disser pode e será usado contra você’, eles falam sério.”

Em relação às acusações de esquema Ponzi, Doyle acredita que isso é um grande exagero.

“FT era um grande sucesso e pagava seus acionistas com milhões de dólares todos os meses. Alguém que raciocine pensa que eles iriam destruir isso ao usar dinheiro não autorizado? É claro que não, não havia má intenção em todos esses anos. Então vieram os problemas financeiros, o CEO da companhia tentou corrigir seu erro ao continuar pagar grandes dividendos. Ray Bitar certamente sabia de tudo e deve responder por suas ações. Você pode acreditar ou não que Chris Ferguson e Howard Lederer sabiam dos problemas. Eu sei que a maioria do mundo do poker quer sangue e acreditam que eles sabiam. Eu acho que o tempo vai responder.”

Para quem acredita que ele está apenas defendendo seus amigos, Doyle Brunson informou depois em seu twitter que ele e seus filhos também tem muito dinheiro preso no Full Tilt.

“Eu tinha 28.000 no Full Tilt. Meu filho tinha 30.000 e minha filha 5.000. Nunca recebemos nada de volta.”

Leia o post completo (em inglês) aqui.

Historiador por formação, conheceu o MaisEV em sua primeira semana de vida, ainda em 2007. Em pouco tempo, tornou-se editor-chefe do site para fazer o que faz de melhor: escrever.

Veja mais:

Salas de Poker