partypoker confisca US$ 700 mil de jogador: uma questão de direito ou excesso?

Caso controverso levanta debates sobre ética, regulamentação e os limites da ação dos operadores

Home » partypoker confisca US$ 700 mil de jogador: uma questão de direito ou excesso?

Em um evento sem precedentes na história recente do poker online, o partypoker, uma das maiores marcas de poker da Entain, apreendeu mais de US$ 700.000 em ganhos de um jogador, desencadeando um debate acalorado sobre a legitimidade de suas ações.

O caso veio à tona quando um usuário do fórum 2+2, sob o pseudônimo “Exodus944”, compartilhou sua experiência perturbadora de ter sua conta fechada e seus ganhos confiscados após vencer um jackpot de um milhão de dólares em um jogo de US$ 100 Spins.

Exodus944 acusou o partypoker de apreender arbitrariamente os fundos de sua conta, alegando violação dos termos e condições por submissão de documentos supostamente forjados. Ele afirmou ter fornecido documentos que comprovavam sua residência em um país permitido, mas mais tarde descobriu que os documentos foram considerados inválidos pelo partypoker. Apesar de pedidos repetidos por evidências e esclarecimentos, o jogador alega que a sala falhou em fornecer explicações satisfatórias para suas ações.

O caso gerou uma enxurrada de reações na comunidade online de poker, com opiniões divididas sobre o mérito das alegações e as ações tomadas pela partypoker. Alguns expressaram simpatia pelo jogador e questionaram o manejo da situação pela operadora, enquanto outros levantaram preocupações sobre a possibilidade de fraude ou má conduta por parte do jogador, incluindo jogar de um país restrito através de um VPN.

O jogador, originalmente da Romênia e realocado para a Irlanda, descreveu-se como um jogador frequente de Spins no partypoker, parte de um grupo conhecido como Team 651. Após sua mudança de residência, ele foi solicitado a fornecer documentação para verificar seu novo endereço. Em um erro crítico, ele submeteu inadvertidamente uma conta de eletricidade de um amigo, embora em seu próprio nome. Apesar da natureza questionável do documento, o partypoker o aceitou. Sua sorte atingiu novos patamares em 5 de outubro de 2022, quando ganhou um prêmio de jackpot de US$ 1 milhão em um jogo de Spins de US$ 100.

No entanto, em 14 de fevereiro de 2023, Exodus944 descobriu que sua conta havia sido bloqueada, tornando-a inacessível. Apesar de tentativas frenéticas de contato com a partypoker e sua afiliada, ele foi recebido com silêncio. Segundo o jogador, levou quatro meses para que uma resposta por e-mail finalmente chegasse.

Até o momento, o partypoker não emitiu uma resposta pública às alegações específicas levantadas pelo jogador. No entanto, o consenso entre os membros do fórum é que o partypoker estava dentro de seus direitos de apreender os fundos, e Exodus944 não deveria ter recorrido à falsificação de documentação.

Este incidente destaca a complexidade e os desafios enfrentados tanto pelos jogadores quanto pelos operadores no mundo do poker online, levantando questões importantes sobre a segurança, a ética e a regulamentação no setor.

O MaisEV agora tem um canal no Telegram! Participe para receber e debater as principais notícias do mundo do poker (t.me/maisev).

Para comprar ou vender créditos de poker, sem burocracia e com segurança. Acesse a ROYALpag.com. Receba em 5 minutos.

Salas de poker
Bodog
4,5 rating
Bônus de boas-vindas de até US$ 1.000
partypoker
4,8 rating
100% até $600 USD +$30 USD em ingressos!
PokerStars
4,0 rating
Bônus de boas-vindas de 100% até $600 e $30 grátis
GGPoker
4,8 rating
Bônus de boas-vindas de 100% até US$ 600
JackPoker
4,5 rating
50% de bônus de primeiro depósito entre US$ 20 e US$ 500
PokerKing
4,3 rating
Bônus de boas-vindas de 100% até US$ 2.000