Felipe Mojave fatura boladinha com jackpot em mesa de cash game no GGPoker

Por: 30/04/2021

Felipe Mojave faturou R$ 60 mil ao realizar a façanha

felipe mojave 450

O craque Felipe Mojave é um dos principais nomes do poker do país, e na reta de ontem o embaixador do GGPoker conseguiu um feito raro ao estourar o jackpot nas mesas de cash game da sala.

Enquanto participava de um torneio, Mojave decidiu se aventurar nas mesas de cash game All-in or Fold (AoF), onde os jogadores sentam à mesa com 8 big blinds e tem apenas duas opções: dar fold ou all-in com a mão recebida.

Na mesa com os blinds $10/ $20, Mojave recebeu 7s8s, no botão, e colocou em jogo seu stack de $160. O brasileiro foi pago pelo ucraniano “Vasalatiy”, com 4hAs, e o flop trouxe wet board 6s5sKh, dando straight flush draw ao brasuca, que nem percebeu a ação e seguiu conversando sobre assustos aleatórios enquanto transmitia sua sessão pelo Twitch.

O turn 4s fechou o straight flush de Felipe, e o river Ad completou o bordo e estourou a animação indicando a jackpot e o prêmio de US$ 11.192,18, cerca de R$ 60 mil. Surpreso, Mojave então percebeu o feito.

“Pera aí… eu fiz jackpot? Que é isso pai? Eu ganhei US$ 11 mil agora na live? Fiz straight flush?”, exclamou ele em meio a risadas.

Para faturar o jackpot nas mesas de AoF o jogador deve utilizar as duas hole cards e fazer pelo menos um straight flush. O valor varia entre 0,01% a 10% do jackpot total acumulado. Nas mesas de $10/ $20, a porcentagem é de 2% do prêmio, que no momento marcava US$ 559 mil. Já nas mesas de Omaha o jogador deve fazer um royal straight flush para estourar o prêmio máximo.

VEJA TAMBÉM: Jogador russo ganha US$ 1 milhão em Spin & Go de US$ 10 no PokerStars

Para comprar ou vender créditos de poker, sem burocracia e com segurança. esse a ROYALpag.com. Receba em 5 minutos.

Alex Faccini

Alex Faccini

Conheceu o poker em 2006 através da ESPN, em uma mesa que contava com Sam Farha e Phil Ivey. Se apaixonou pelo jogo e pela malandragem de Farha, o único jogador com sangue HUE BR. Passou pelas faculdades de Direito e Publicidade, sem concluir nem uma, nem outra. Apaixonado por cinema, música, literatura e outras artes mais, aprendeu a jogar sinuca em botecos com tiozinhos tomando cachaça, e tem a certeza que vivemos em uma Matrix. Sempre se esquece de encher as formas de gelo.

Salas de Poker