Violência na Ucrânia Obriga Jogadores de Poker a Se Trancarem em Sede de Torneio

Por: 19/02/2014

Os protestos em Kiev, capital da Ucrânia, atingiram um ponto em que não há quem não sofra as consequências. Por isso, a etapa que marca o quinto aniversário do Russian Poker Tour (RPT) corre sério risco de ser adiada por conta do clima de terror instaurado na cidade.

“Estamos em uma situação péssima. Não só pela etapa do RPT, mas pela Ucrânia como um todo”, disse o diretor do torneio Oleg Udovengo ao PokerNews, ao confirmar que por volta de 150 jogadores encontram-se confinados no Khreschatyk Club, local de disputa do evento, há poucos metros da Praça da Idependência, epicentro da onda de protestos.

“Não há muito que fazer. Só nos resta esperar e tentar o melhor para manter a calma, mesmo que o clima aqui dentro não torne isso fácil. Trancamos as portas e não permitimos a entrada nem a saída de ninguém. Por sorte, ainda contamos com um abastecimento de água suficiente para todos” complementou Udovengo.

A medida não é exagerada: a capital ucraniana está em estado de sítio, com vários pontos da cidade em conflito e, segundo a rede americana CNN, a onda de protestos recentes já ocasionou 26 mortes, entre manifestantes e policiais, e mais de 240 pessoas estão hospitalizadas.

Protestos na Ucrânia

Ainda sobre o evento, um dos participantes do RPT informou que houve falta de energia elétrica durante um período, e que o sistema de ventilação teve que ser fechado por conta da fumaça que invadia o local.

A fumaça é consequência da queima de centenas de pneus na Praça da Independência, bem como dos rojões utilizados pelos manifestantes e das bombas de gás lacrimogêneo lançadas pelos policiais, transformando o local em um cenário de guerra e se espalhando por toda Kiev.

Entenda os protestos na Ucrânia

O início da revolta em Kiev ocorreu em novembro passado, quando o presidente ucraniano Viktor Yanukovich desistiu de assinar um acordo costurado durante anos com a União Européia, que tinha como objetivo estimular o livre comércio e aproximar politicamente a Ucrânia do bloco Europeu.

Com a pressão imposta pela Rússia de Vladimir Putin, que ameaçou o governo ucraniano com medidas econômicas protecionistas e sanções comerciais, o presidente foi recompensado com a injeção de US$ 15 bilhões na economia e uma queda na tarifa de gás natural ao desistir do acordo.

A revolta de parte da população pela reaproximação com a Rússia gerou a tomada da Praça da Independência, com episódios esporádicos de violência.

Entretanto, a atmosfera atingiu um nível de violência preocupante quando o líder da oposição, Vitali Klitschko, após um encontro com o presidente ucraniano, relatou a falta de diálogo na reunião e a exigência “não-negociável” da saída dos manifestantes da Praça da Independência para dar início às negociações.

Os opositores também reivindicam a mudança da Constituição, visando diminuir os poderes do presidente e aumentar a influência do parlamento, afim de distanciar a Ucrânia da influência direta de Vladimir Putin.

Analistas internacionais não descartam a possibilidade da onda de protestos evoluir para uma guerra civil, com a possibilidade da Ucrânia dividida em duas: aquelas que buscam a aproximação com a União Européia, e as que desejam permanecer sobre a influência russa.

O Russian Poker Tour, com buy-in de €550 e premiação garantida de  €100 mil para o vencedor, está marcado para ocorrer entre os dias 17 a 26 de fevereiro, mas pode ser cancelado e movido para um lugar com melhores condições de segurança, segundo os organizadores.

 

 

Na Loja MaisEV você não precisa protestar para ter à sua disposição os melhores softwares de poker, pelos melhores preços.


Veja mais:

Salas de Poker