Resumo GPL Dia 5: “Cachorro Espião” de Trickett, Alexonmoon em Modo Turbo e Moscou Vence Berlin

Por: 14/04/2016

Sam Trickett acabou com a invencibilidade de nanonoko.

dog trickett

O dia cinco da Global Poker League começou com os duelos de heads-up da conferência Eurásia.  Entre os embates previstos, dois nomes chamavam mais a atenção: o do britânico Sam Trickett, vice do Big One Drop em 2013, e o o do francês Alexandre Luneau, conhecido nos nosebleeds pelos screen names “Alexonmoon” e “biatchpeople”. Primeiro vamos a Sam Trickett, do London Royals,  que jogou contra contra Randy “nanonoko” Lew, do Hong Kong Stars.

O SEGREDO TÁ NO CACHORRO

Aos poucos Sam Trickett foi aumentando seu stack, até que se viu obrigado a um fold na 16ª mão da partida (1:17:24), quando nanonoko admitiu que pode ter errado o size no river.

Já na 25ªmão (1:28:49), Trickett, com trips, colocou nanonoko em all-in no river. O jogador do PokerStars gemeu, pensou, afirmou “nunca ter levado tanto tempo para uma decisão”, até que optou pelo call e viu que seu top pair não era suficiente. 1 a 0 pra Trickett que, enquanto nanonoko estava no tank, abriu a porta e deixou seu cachorro ir embora (“já fiz meu trabalho”, deve ter pensado o dog).

Na 7ª mão do segundo jogo (1:45:02), Trickett mostra uma de suas armas e aplica um belo blefe no river para exercer uma pequena vantagem. Na mão seguinte, o cachorro retorna. E desta vez no colo de Trickett, como se estivesse prestando atenção no jogo.

Todo mundo sabe que quase tudo feito com um cachorro se torna mais legal. Os espectadores curtiram o dog, e a torcida passou a ser de Trickett.

Entretanto, já com os blinds em 2.400, nanonoko achou sua dobra, pegou a ponta e vence o jogo na mão seguinte (1:12:40).

Na terceira e decisiva partida, nanonoko até chegou a liderar por alguns instantes, mas lá pela 30ª mão o cachorro reapareceu e logo depois o britânico venceu o jogo.

Dizem que o cachorro é o melhor amigo do homem, e quem sabe o cachorro tenha passado passado boas energias a a Sam Trickett. Ou talvez até uns notes.

TUDO RÁPIDO ENTRE LUNEAU E SAMMARTINO

O primeiro confronto entre Paris Aviators e Rome Emperors foi rápido. Bem rápido. Apenas quatro mãos foram necessárias para Dario Sammartino abrir 1 a 0. Por isso nem falaremos nada sobre e se você quiser saber como foi o jogo ultra aggro com uns coolers, olha lá no vídeo a partir de 3:30:15.

No segundo jogo Alex viu uma mistura curiosa de cartas: lixo com coisa nenhuma. Mas quando bateu o francês decidiu rápido. Em uma mão virou o jogo e na outra foi “gg”.

O jogo três foi o mais cumprido entre os dois, mas muito mais rápido que muitos duelos. 45 mãos e 2 a 1 pra Alex Luneau, uma boa apresentação para nanonoko, que perguntou no chat quem era o francês.

Se você quiser saber mais sobre o mito Alexonmoon, os usuários do MaisEV traduziram o excelente documentário Nosebleed, que mostra os jogos online de Alex contra várias feras dos high stakes.

VOVTROY MOSTRA A FORÇA DO TIME DE MOSCOU

Vladimir Troianovsky já havia vencido  Dominik Nitsche ontem, quando os dois defenderam o Moscow Wolverines e o Berlin Bears, respectivamente, nos confrontos de 6-max e chegaram ao heads-up. E o vovtroy do PokerStars repetiu a dose e levou a melhor sobre o alemão.

Durantes os duelos Dominik comentou bastante sua linha de pensamento, enquanto vovtroy restringiu-se a exibir um riso com um quê de ironia. Talvez até com um ar de superioridade. Mas simpático, o russo.

Com o 2 a 1 a equipe russa assumiu a quarta posição, empatada com o London Royals, terceiro. Porém está tudo embolado no grupo, já que apenas 2 pontos separam o último do terceiro colocado. O grande destaque é a equipe de Paris, que tem 13 pontos de vantagem para o sexto colocado, como você vê abaixo.

classificação eurasia 6 jogos

 

Curta a página do MaisEV no Facebook e siga-nos no Twitter

 

VEJA OS MELHORES SOFTWARES PARA GRINDAR ONLINE.


Veja mais:

Salas de Poker