Mesa Final do WSOP ME Começa Hoje, Com Liderança de Jesse Sylvia

Por: 29/10/2012

Chip leader com 43.875.000 fichas, o profissional recém-contratado pelo 888 poker Jesse Sylvia é também um dos favoritos pelas casas de apostas para levar o título mais cobiçado do poker.

Antes dessa mesa final, Sylvia conquistou uma única premiação no WSOP, de apenas US$2.954, com um 175º lugar em um evento de No-Limit Hold’em 6-max em 2011.

Coincidentemente, ele é um grande amigo de outro integrante do October Nine, Russell Thomas, que chega na final com 24.800.000 fichas.

Apesar de não ser profissional, trabalhando com seguros, Thomas já conquistou três premiações anteriores no WSOP, incluindo uma mesa final em um evento no ano de 2010. Mesmo tendo preferido não seguir a carreira de jogador profissional, ele promete  repensar a decisão caso termine em uma boa colocação.

Já Andras Koroknai é o único estrangeiro em uma mesa cheia de estadunidenses. Húngaro, ele também é jogador profissional, conta com um título do WPT em sua carreira. Ele entra na FT com o segundo melhor stack, 29.375.000.

O melhor dos October Nine é provavelmente Greg Merson, que além de profissional, conquistou um bracelete do WSOP ainda neste ano, em um evento de No-Limit Hold’em 6-max, além de ter outras quatro premiações no mundial. Isso faz dele o favorito para vencer a corrida para jogador do ano do WSOP.

Mas ele não é o único a ter um bracelete – o profissional veterano Steve Gee é o jogador mais velho na mesa, com 57 anos, e em seus 45 anos de poker já conquistou quatro premiações no WSOP, incluindo um título em 2010.

Do outro lado da mesa, o jogador mais novo é Jake Balsiger, de apenas 21 anos, que tem a chance de ser o jogador mais novo conquistar o título do WSOP ME. Estudante de ciências políticas, Balsiger já tem alguma experiência no WSOP, tendo participado de quatro eventos, com uma premiação.

Em relação ao número de premiações, o mais experiente é certamente  o profissional Jeremy Ausmus, que já ficou oito vezes ITM em eventos do WSOP, tendo como seu melhor resultado uma mesa final em um evento de Seven Card Stud em 2011.

O título de mais inexperiente no WSOP fica dividido entre o amador Michael Esposito e o profissional Robert Salaburu.

Corretor da bolsa, Esposito joga há apenas alguns anos como hobby, e mesmo assim já conseguiu duas premiações anteriores no WSOP.

Já Salaburu é jogador profissional de poker há pelo menos sete anos mas mesmo assim é o único do October Nine é nunca ter conquistado uma premiação no WSOP, já que seu foco sempre foi o cash game.

Veja abaixo a contagem de fichas dos nove finalistas do WSOP Main Event:

1 –  Jesse Sylvia – 43.875.000
2 – Andras Koroknai – 29.375.000
3 – Greg Merson – 28.725.000
4 – Russell Thomas – 24.800.000
5 – Steven Gee – 16.860.000
6 – Michael Esposito – 16.260.000
7 – Robert Salaburu – 15.155.000
8 – Jacob Balsiger – 13.115.000
9 – Jeremy Ausmus – 9.805.000

Historiador por formação, conheceu o MaisEV em sua primeira semana de vida, ainda em 2007. Em pouco tempo, tornou-se editor-chefe do site para fazer o que faz de melhor: escrever.

Veja mais:

Salas de Poker