Marcio Cid Chega Perto Mas é Eliminado na Bolha da Mesa Final no Evento 11 do WSOP

Por: 06/06/2013

O cearense Marcio Cid chegou muito perto de conquistar o terceiro bracelete brasileiro no WSOP.

Ele foi um dos 14 jogadores no dia 3 do Evento 11 (US$2.500 No-Limit Hold’em), começando o dia com um dos menores stacks.

Com poucas fichas, Cid precisou dobrar algumas vezes e para isso contou com a ajuda de Tuan Le e Scott Clements.

Nas duas situações, o brasileiro foi all-in pré-flop com um pocket pair que segurou até o river. Contra Tuan Le, Cid apostou todas as suas fichas com 88 e foi pago pelo A10 do adversário.

Já Scott Clements pagou um all-in do brasileiro com AK e encontrou um ligeiro 33 que se manteve forte até o river. Pouco depois, o americano ainda perdeu mais um grande pote para Cid, que derrotou o A2 de Clements com seu A4.

Mas o embate contra Clements não ficou por isso. Com aproximadamente 30 big blinds, Cid foi all-in e mais uma vez deu de frente com o americano e seu AK. Desta vez as cartas estavam do lado de Scott Clements, que derrotou o A4 de Cid e e eliminou o brasileiro.

O belíssimo 8º lugar foi não só o melhor resultado em torneios ao vivo da carreira de Cid, que levou US$41.011, mas também o melhor resultado brasileiro até o momento nesta edição do World Series of Poker.

Historiador por formação, conheceu o MaisEV em sua primeira semana de vida, ainda em 2007. Em pouco tempo, tornou-se editor-chefe do site para fazer o que faz de melhor: escrever.

Veja mais:

Salas de Poker