João Bauer Chega na Final do Evento 40 do WSOP e Termina em 5º

Por: 24/06/2013

O goiano João “Bauer” Dorneles Neto deu um verdadeiro show de poker no último dia do Evento 40 do WSOP (US$1.500 No-Limit Hold’em).

Mesmo perdendo um pote de aproximadamente 50BBs na última mão do dia 2, João Bauer começou o dia final do evento 40 com a terceira posição em fichas.

Jorge Breda, por outro lado, passou short com pouco menos de 20 big blinds, e chegou a enfrentar Bauer quando restavam apenas duas mesas.

Em certo momento, ao se deparar com um shove no botão de 335.000 com  blinds 10.000/20.000 Breda shovou por cima com 15 big blinds e foi pago pelo small blind. O A9 do americano Jared Hamby segurou contra o KQ de Breda e ele caiu na 12ª colocação levando para casa quase 30 mil dólares.

A mesa final foi formada com a eliminação de Allen Cunningham que ganhou US$29.961. Depois de passar por um field enorme de mais de dois mil jogadores, João Bauer começou a FT com o 7º stack. O famoso chileno Nicolas “PKaiser” Fierro estava com o 3º maior stack.

Logo no começo João Bauer se mostrou agressivo e dobrou na segunda mão, ficando com um stack enorme de mais de 1.200.000 fichas. Depois de subir pré-flop e apostar no flop, o goiano deu check/all-in no board J6A 5  e seu AT era melhor que os A9  do americano Vrooman. O river não trouxe nem 9 e nem espadas.

Aos poucos, o brasileiro viu seus oponentes caindo como moscas. Primeiro foi David Nicholson, que foi eliminado em 9º pelas mãos de Nicolas Fierro. Em seguida foi a vez de Richard Dubini derrubar Fred Berger.

João BauerO próximo a cair foi o próprio Dubini, após perder um all-in com K-K para o A-K de João Bauer, que encontrou seu A logo no flop. Depois disso, Richard Dubini ficou com menos de um big blind e caiu logo em seguida para Jared Hamby. Já nosso jogador se tornou o chip leader da mesa final, com 3.400.000 fichas.

Essa situação se manteve por um bom tempo, mas após o break Bauer perdeu boa parte de seu stack para Jared Hamby, que logo depois eliminou Matt Berkey na 6ª posição.

Mesmo assim ele continuava na liderança, até perder um grande pote para Peter Hengsakul que recuperou o chip lead.

Esta briga se prolongou por mais algumas mãos, com Peter Hengsakul botando bastante pressão no brasileiro.

Na última mão, Hengsakul apostou 100.000 no UTG, Bauer deu uma 3bet para 300.000 no button e recebeu o call. O flop foi 7A3, Hengsakul deu check e Bauer apostou 250.000, mais uma vez com o call do americano. O turn foi um 5 e Hengsakul abriu com uma aposta de 500.000. depois de pensar por um tempo, Bauer foi all-in e recebeu o call de Peter Hengsakul, que abriu 77, derrotando o A8 drawing dead de João Bauer.

O 5º lugar deu a Bauer um prêmio de US$120.574 que foi o maior de sua carreira – nada mal para quem estava em sua primeira participação no WSOP!

Parabéns a João “Bauer” Dorneles por conquistar o melhor resultado brasileiro até agora nesta edição do WSOP.

 

Historiador por formação, conheceu o MaisEV em sua primeira semana de vida, ainda em 2007. Em pouco tempo, tornou-se editor-chefe do site para fazer o que faz de melhor: escrever.

Veja mais:

Salas de Poker