Fernando Konishi é o Líder da Mesa Final do Monster Stack e Terá a Companhia de Caio Toledo

Por: 17/06/2015

Fernando Konishi é o chip leader com 52 big blinds na decisão do Evento #28 da WSOP.

Se a WSOP de 2014 entrou para a história ao Bruno Foster levar o Brasil pela primeira vez aos nove finalistas do Main Event, a série de 2015 tem tudo para ser tão ou até mais épica.

O paulista Fernando Konishi não só chegou à mesa final do Monster Stack (Evento 28, $1.500 NLH), como terá o maior stack entre os nove finalistas. Com 20.800.000 fichas, ele tem uma boa vantagem sobre o israelense Asi Moshe, que tem 14.725.000.

E se contar com um brasileiro entre os nove já é ótimo, Caio Toledo foi o responsável por dobrar as chances do Brasil ganhar mais um bracelete. Com 5.500.000 fichas, ele terá o oitavo stack da mesa final.

O maior adversário dos brasucas será o americano Hoyt Corkins. Nascido no Alabama, Hoyt tem duas joias da série e dois títulos do WPT no currículo, e soma quase US$ 6 milhões ganhos na carreira. Ele chega à finalíssima com 12.925.00 fichas e terá o quarto maior stack em jogo.

A grande decisão acontece a partir das 15 horas de Brasília, com os blinds retornando em 200.000/ 400.000 ante 50.000. Os brasucas já garantiram pelo menos US$ 117.092 e o vencedor levará para casa US$ 1.286.492.

Stacks da mesa final do Monster Stack:

1º- Fernando Konishi: 20.800.000

2º- Asi Moshe: 14.725.000

3º- Kevin Kung: 14.075.000

4º- Hoyt Corkins: 12.925.000

5º- Christian Rodriguez: 12.625.000

6º- Etic Place: 12.500.000

7º- Perry Shiao: 10.000.000

8º- Caio Toledo: 5.500.000

9º- Joshua Wallace: 4.675.000

fernando konishi

 Fernando e as fichas que buscam a glória.

 

Curta a página do MaisEV no Facebook e siga-nos no Twitter.

 

Conheça os melhores livros de estratégia para torneios.


Veja mais:

Salas de Poker