Entrevista com Bruno Ono, 3º Colocado na Corrida de Rake de Fevereiro

Por: 16/03/2010

Bruno, antes de mais nada parabéns pela conquista. Me conta um pouco sobre você. Onde você mora? Quantos anos você tem? Estuda, trabalha?

Bruno Ono: Bom, me chamo Bruno Ono. Tenho 23 anos. No momento, não estou estudando e muito menos trabalhando, mas jogo um jogo de computador há nove anos (Counter Strike) e represento o Brasil fora do país. Foi este jogo que me sustentou durante esse tempo e pretendo encerrar minha “carreira” este ano e, quem sabe, migrar para o poker.

Danilo Telles: Há quanto tempo você joga poker? Como você construiu o seu bankroll?

Bruno Ono: Bom, conheço o poker há uns 6 anos,mas demorei muito pra começar a jogar. Quando eu comecei a viajar pra fora do país pra jogar CS, sempre que os times perdiam, os jogadores se juntavam no lobby do hotel e faziam diversas mesas e ficavam o dia todo jogando poker, mas eu nunca tive muito interesse pelo jogo.

Lembro que em um mundial que participei, em Cingapura  2005, os irmão Carriço, que eram patrocinados pela mesma empresa que o meu time, estavam fascinados pelo poker e estavam estudando muito o jogo, lendo livros e tal. Na época, achei meio bobo e tal, mas acho que não passou um ano e eles conseguiram alguns ótimos resultados na internet. Eu mesmo comecei a jogar só em 2008, mas nunca levei muito a serio. Um garoto do meu time jogava bastante sempre me dava 1, 2 dólares e eu ficava brincando no intervalo dos nossos treinos. Até que ano passado eu recebi 2 dólares e fiz 100  jogando nl2 em 1 semana. Aí me empolguei, e comecei a depositar em sites para pegar bônus de 1º depósito, joguei bastante ano passado na Ongame.

Consegui liberar os bônus de 500 dólares diversas x no PokerLoco e migrei pro BetnGo em dezembro, mas sempre no final do mês eu saco o dinheiro que ganho. Eu sei que é  errado e pretendo construir um bankroll sólido ainda no 1° semestre deste ano.

Danilo Telles: Como você conheceu o MaisEV? E que parte(s) do MaisEV você mais gosta/freqüenta e porquê?

Bruno Ono: Bom, nessas fuçadas no Google de primeiro depósito eu conheci o fórum do MaisEV e hoje é um dos sites que eu mais visito atualmente. A área que eu mais visito é o poker em geral pra ler as news do poker e a área de bônus pra ver se tem alguma coisa boa pra mim!

Danilo Telles: Você atualmente joga profissionalmente? Qual é a sua especialidade?

Bruno Ono: Longe disso! Ainda me acho um jogador bem mediano e tenho jogado bastante don, mas pretendo me especializar em mtt.

Danilo Telles: Certo. E o que você fez pra conquistar o terceiro  lugar? Você tinha uma rotina de jogo diaria?

Bruno Ono: Bom… Como mês passado eu vi uma race muito boa de don e como eu jogava bastante don no PokerLoco, decidi participar dessa race 2 semanas e consegui um top5 na segunda e terceira semana jogando 18 mesas nos dons de $5.50 . Não tinha uma rotina diária, mas quando chegava sexta eu tentava jogar uma média de 200 dons por dia.

Danilo Telles: O que você pretende fazer daqui pra frente na sua carreira de jogador de poker? Onde você se vê daqui a 3 anos?

Bruno Ono: Espero estar batendo alguns torneios com premiações altas

Danilo Telles: Agora me conta um pouco mais sobre o BetNGo. Voce poderia muito bem estar jogando numa sala grande como o PokerStars ou o Full Tilt Poker. O que te levou a jogar no BetNGo ao inves disso?

Bruno Ono: Jogo no BetNGo porque eu acho ele um dos melhores softwares hoje em dia pra quem não leva poker muito a sério. Ele tem diversas promoções pros jogadores e o field, comparado com o dos demais sites, é mais fraco.

Danilo Telles: Você utiliza algum software ao jogar no BetNGo? Se sim, quais?

Bruno Ono: Ainda não, mas comprei o Holdem Manager não tem 3 semanas. Pretendo aprender a usar o programa, até baixei um vídeo do fórum do maisev, mas ainda não assisti!

Danilo Telles: Qual conselho você daria pra quem busca conquistar uma rake race e maximizar seus lucros?

Bruno Ono: Acho que o meu exemplo não é o melhor para quem quer conquistar uma race. Quando eu jogava, começava às 7 horas da manhã e parava umas 10 horas da noite. Acho que o certo, no entanto, é ter uma rotina diária e dividir o dia entre estudos e o jogo

 

 

Historiador por formação, conheceu o MaisEV em sua primeira semana de vida, ainda em 2007. Em pouco tempo, tornou-se editor-chefe do site para fazer o que faz de melhor: escrever.

Veja mais:

Salas de Poker