Novo Comercial do PokerStars Tem Ronaldo e Akkari Recitando Poema de Prêmio Nobel

Por: 06/04/2015

Poema de tirar o fôlego de Rudyard Kipling é usado na nova campanha do PokerStars.

Sempre com uma produção impecável, as peças publicitárias do PokerStars são responsáveis, em parte, por fazer da sala a maior da indústria do poker online.

Nesta última campanha, o belíssimo poema “If” (“Se”) de Rudyard Kipling é recitado por diversos Team PokerStars. Além de Ronaldo Fenômeno e André Akkari, também participam da peça Daniel Negreanu, Eugene Katchalov, Vanessa Selbst, Bertrand “ElkY” Grospellier, Fátima Moreira de Melo, Isaac Haxton e muitos outros profissionais do site. O poema também é recitado por gente anônima, como motoristas, chefs, barmans e dealers.

Rudyard Kipling nasceu na Índia em 1865, quando esta ainda fazia parte do Império Britânico, e recebeu o Prêmio Nobel de Literatura em 1907. Até hoje ele é o mais jovem ganhador do prêmio em sua área.

Confira abaixo a tradução do poema para o português feita por Guilherme de Almeida e também assista ao comercial.

Se

Se és capaz de manter tua calma, quando,
todo mundo ao redor já a perdeu e te culpa;
De crer em ti quando estão todos duvidando,
e para esses no entanto achar uma desculpa;
Se és capaz de esperar sem te desesperares,
ou, enganado, não mentir ao mentiroso,
Ou, sendo odiado, sempre ao ódio te esquivares,
e não parecer bom demais, nem pretensioso;

Se és capaz de pensar – sem que a isso só te atires,
de sonhar – sem fazer dos sonhos teus senhores.
Se encontrando a Desgraça e o Triunfo conseguires
tratar da mesma forma a esses dois impostores;
Se és capaz de sofrer a dor de ver mudadas
em armadilhas as verdades que disseste;
E as coisas, por que deste a vida estraçalhadas,
e refazê-las com o bem pouco que te reste;

Se és capaz de arriscar numa única parada
tudo quanto ganhaste em toda a tua vida.
E perder e, ao perder, sem nunca dizer nada,
resignado, tornar ao ponto de partida;
De forçar coração, nervos, músculos, tudo,
a dar seja o que for que neles ainda existe.
E a persistir assim quando, exausto, contudo,
resta a vontade em ti, que ainda te ordena: Persiste!

Se és capaz de, entre a plebe, não te corromperes,
e, entre Reis, não perder a naturalidade.
E de amigos, quer bons, quer maus, te defenderes,
se a todos podes ser de alguma utilidade,
Se és capaz de dar, segundo por segundo,
ao minuto fatal todo valor e brilho,
Tua é a Terra com tudo o que existe no mundo,
e – o que ainda é muito mais – és um Homem, meu filho!

 

Curta a página do MaisEV no Facebook e siga-nos no Twitter.

 

Veja aqui os melhores livros de estratégia para cash games, torneios e sits.


Veja mais:

Salas de Poker