Bwin.party Se Prepara Para Entrar nos EUA

Por: 01/09/2011

De acordo com o Wall Street Journal, a empresa está finalizando acordos de parceria para preparar o terreno para a volta de suas salas de poker ao mercado americano caso o poker online seja legalizado no país.

“Nós decidimos procurar parceiros estratégicos. Em nível federal, estamos finalizando acordos com dois parceiros bem posicionados para operar naquele mercado. Na Califórnia, estamos bem avançados com um parceiro em particular. O mesmo acontece em New Jersey, consistente com o que temos em nível federal,” disse Jim Ryan, Co-CEO do grupo.

Para ele, as marcas de poker do grupo – PartyPoker, Poker Room e WPT – tem as melhores chances de se beneficiar de uma legalização do poker nos EUA, com a exclusão de seus maiores concorrentes.

“O verdadeiro impacto da Black Friday é traçar uma linha entre os sites que não acreditamos ter uma chance de entrar naquele mercado, os números 1 e 2 (PokerStars e Full Tilt) e o UltimateBet/Absolute Poker. Então onde isso nos deixa? Nas posições 1, 3, 5, 6 e 9.”

Historiador por formação, conheceu o MaisEV em sua primeira semana de vida, ainda em 2007. Em pouco tempo, tornou-se editor-chefe do site para fazer o que faz de melhor: escrever.

Veja mais:

Salas de Poker