Entrevista – Rodrigo “Perna” Castro

Por: 15/10/2008

Perna: Fala pessoal, me chamo Rodrigo Castro, o pessoal me conhece no fórum como Perna, tenho 27 anos e além do poker trabalho com um site de venda de cartas de magic: www.magicplace.com.br.

Danilo Telles: Há quanto tempo você joga poker? Seu início foi difícil? Como você construiu o seu bankroll?

Perna: Não sei exatamente quando comecei, mas foi por volta da copa do mundo em 2006. Eu usava tickets (dinheiro usado no magic online) pra comprar 50$ pra minha conta de poker, tive que fazer esse processo umas 6 vezes. Até que ganhei um daqueles torneios do Clube do Poker num heads up contra o Raul Oliveira e faturei 1.500$.

Sem muito Br management eu retirei esse $$$ e continuei jogando com o resto que sobrou na minha conta e algum tempo depois acabei quebrando jogando os sit and go de 11$, isso aconteceu por volta de fevereiro e acabei deixando o poker de lado, quando num torneio de magic o Pedro Waite do fórum me disse algo que realmente me trouxe de volta ao jogo, ele havia me dito que não existia loser no poker, que ou eu seria winner ou quitter e isso me motivou a jogar, mas agora eu já não tinha mais dinheiro, não queria depositar, então lembrei dos torneios que usam party points e me inscrevi em um deles e fiquei em 5º levando 75$ e estou aqui até hoje vindo desse dinheiro.

Logo depois fiz um HU num 20k gtd e fiquei em 4º no 300k o que impulsionou muito o meu bankroll, depois disso em março de 2008 entrei no cash game na nl100, hoje em dia estou na nl200 já com tiros na nl400.

Danilo Telles: Você se considera um jogador tight ou loose? Quão agressivo?

Perna: Sou loose, em alguns momentos até demais quando não deveria.

Danilo Telles: Quais são as suas maiores qualidades no game?

Perna: Acho que tilto pouco e tento jogar sempre o mais concentrado possível.

Danilo Telles: Qual foi o seu melhor resultado jogando poker?

Perna: Meu melhor resultado foi aquele do 300k que falei acima mesmo, foi quando ganhei o maior valor de uma vez só. É emocionante e rola bastante adrenalina nesse momento do torneio.

Danilo Telles: Você já teve um mês “down” no poker? Como foi essa experiência?

Perna: Ainda não tive um mês down desde quando comecei seriamente mesmo, já tive saindo break even mas nunca down. Infelizmente até o momento da entrevista estou down no mês, mas espero que recupere e ainda tire algum lucro.

Danilo Telles: Como é a sua rotina atualmente?

Perna: Eu gosto de jogar de madrugada porque não tem muitas coisas me tirando atenção como telefone tocando, cachorro latindo etc. Por conta disso acordo sempre tarde, por volta das 14:00h e vou sempre ler o fórum, ver meus emails, mais tarde um pouco faço o trabalho no site de venda e basicamente só isso, não faço nenhuma atividade física, estou completamente sedentário e isso é algo que pretendo mudar.

Danilo Telles: Qual(is) jogador(es) estrangeiros você admira e por quê? E brasileiros?

Perna: Eu não acompanho muito os fóruns gringos então só conheço os jogadores que passam na TV, desses eu curto o Phil Ivey e o Gus Hansen, gosto do estilo deles de jogar, com moves interessantes.

No Brasil acho que é o RoyalSalute, eu tive coach com ele e pela humildade dele como pessoa e a maneira como ele passa as informações da pra perceber nele um excelente jogador.

Danilo Telles: Você já leu livros sobre poker? Quais lhe trouxeram mais benefícios?

Perna: Li poucos livros, sou muito preguiçoso pra leitura, os que li foram o Super System, Harrington on Hold’em 1 e 2, No Limit Theory and Pratice e o Poker Theory. Acho que todos me ajudaram sim, cada um deles num momento.

Danilo Telles: Você usa algum software de poker? Se sim, qual?

Perna: Uso sim, na época que jogava sng usava o SNG Wizard e o Tourney Manager. Hoje em dia jogando cash uso o Holdem Manager e o Spade Eye.

Danilo Telles: Se você tivesse que dar um único conselho para um iniciante, qual seria?

Perna: Preste bastante atenção nos conselhos dos jogadores mais experientes, eles já passaram todo esse caminho que você pretende percorrer.

Danilo Telles: Se você tivesse que começar hoje do zero a sua carreira, com um bankroll de $150 dólares, como o faria? O que jogaria e em o que investiria? E se o bankroll fosse de $1000 dólares?

Perna: Vou responder a pergunta tendo como base meu nível de jogo atual, com 150$ realmente é complicado mas acho que optaria pelos sngs de 3$. Com 1000$ eu ia jogar cash mesmo, e começaria direto na nl100 e caso caísse 3bi desceria pra nl50, é agressivo mas já tenho bastante contato com esse nível e acho que dessa forma me renderia bastante tempo extra.

Danilo Telles: Qual é o jeito mais rápido de aprender a jogar poker?

Perna: Isso varia de pessoa pra pessoa e do que ela pretende jogar. Acho que o kit completo ajuda muito quem quer aprender, como ler bastante seja o fórum e/ou livros, ver vídeos e o coach. Sem contar o custo, acho que o coach é a forma mais rápida ainda pra maioria das casos.

Danilo Telles: Você já fez alguma loucura com o dinheiro ganho jogando poker?

Perna: Loucura mesmo acho que não.

Danilo Telles: O que você gosta de fazer fora do poker? Quais são seus hobbies?

Perna: Gosto de comer bem, vou muito a um restaurante japonês que eu curto muito aqui. E hobbies fora do poker são os jogos de pc que ainda me tomam uma parte grande do dia.

Danilo Telles: O que você pretende fazer daqui pra frente na sua carreira de jogador de poker? Onde você se vê daqui a 3 anos?

Perna: Não sei aonde vou parar daqui a 3 anos, não penso muito aonde vou chegar, penso que quero subir de nível, não pretendo manter um bom salário. Eu quero é jogar nas cabeças, o dinheiro vai vir por conseqüência.

Danilo Telles: Como você conheceu o MaisEV? E que parte(s) do MaisEV você mais gosta/freqüenta e porquê?

Perna: Eu conheci o MaisEV através do próprio Pep, Pedro Waite e do Xicon. Nós já nos conhecíamos bem antes de começar a jogar poker, tudo amizade vinda do magic. Eu freqüento o MaisEv inteiro, leio todas as seções.

Danilo Telles: Mande uma mensagem aos usuários do MaisEV.

Perna: Sabem quanto ta valendo uma nota de cinco reais hoje em dia???

Pouco mais de DOOOOOOOOOOOOOOOOOOOISSSSSSSS DDDDDOOOOLLLLLAAAARRRREEEEESSSSSSSSS

Historiador por formação, conheceu o MaisEV em sua primeira semana de vida, ainda em 2007. Em pouco tempo, tornou-se editor-chefe do site para fazer o que faz de melhor: escrever.

Veja mais:

Salas de Poker