A importância do foco

Por: 18/09/2013

Salve amigos do MaisEV!!

Depois de um longo período ausente resolvi dar o ar da graça e infelizmente as coisas nem sempre correm da melhor maneira, isso acontece em qualquer profissão e não é diferente com poker.

Foram 5 anos como jogador profissional e só tenho a agradecer tudo o que o poker me proporcionou, viajei, conheci alguns lugares, fiz novas amizades, conheci muita gente legal, e durante todo esse período eu tive uma vida razoável, mas as vezes temos que dar um passo para trás para podermos dar dois a frente e acabei chegando no meu limite.

Gostaria muito de poder seguir jogando mas o momento é de reflexão e depois de ter obtido tantas conquistas com o poker eu acredito que chegou a hora de dar um tempo.

Acabei perdendo o foco e acho que esse foi o principal motivo para as coisas chegarem onde chegaram. A verdade é que hoje eu não consigo ser lucrativo o suficiente para cumprir com minhas obrigações.

Eu sempre tracei objetivos anuais nesse tempo de poker player:

Em 2008, quando comecei a jogar profissionalmente, o objetivo era me firmar como profissional e conseguir tirar meu sustento desse jogo fascinante que é o poker.

Em 2009 meu plano era virar Super Nova e tentar ser o melhor do mundo em limites até $15 na modalidade 45 players. A primeira meta foi cumprida e apesar de ter liderado o ranking por boa parte do ano acabei fechando o ano como o 2º jogador mais lucrativo do mundo de acordo com o site de pesquisas Sharkscope, e apesar dessa pequena falha foi um ano muito feliz onde eu fiquei muito satisfeito com o meu desempenho.

Em 2010 a meta era manter Super Nova e subir os limites para os sits de $27 e $36.

Em 2011 o maior desafios de todos foi virar Super Nova Elite e para isso era preciso subir o limite e dessa forma enfrentar os melhores jogadores do mundo, meta comprida!!

Em 2012: manter o SNE.

Já em 2013 veio o projeto do Rio de Janeiro e junto migrar para os MTT’s.

Quem acompanha o blog sabe os motivos que levaram o projeto do RJ a fracassar e juntos com eles vieram uma série de outros problemas. Acabei perdendo o foco, fiquei meio sem saber o que fazer.

Rumar de novo para SNE era impossível porque já havia passado três meses do ano, continuar nos MTTs também era inviável devido à alta variância dos torneios. Resolvi então voltar a grindar SNG multi table e como já estava com o bankroll um pouco comprometida devido ao Rio acabei jogando desconfortável, não consegui colocar um volume ideal e a pressão financeira pode ter atrapalhado um pouco meu desempenho.

Eu até consegui obter lucros mas não o suficiente para honrar com todos os compromissos e antes que isso vire uma bola de neve estou tendo a consciência de dar um tempo com o poker, talvez esteja no momento  de buscar novos desafios. Infelizmente eu não posso perder mais tempo e preciso correr atrás de uma solução.

A partir de hoje estou me lançando no mercado de trabalho e pretendo deixar o poker em segundo plano, talvez como uma renda extra. A verdade é que hoje não tenho como seguir adiante.

Mas já deixo o meu recado vou continuar jogando como hobby, seguir estudando e com toda a certeza do mundo: UM DIA EU VOLTO!!


Veja mais:

Salas de Poker