Conheça os November Nine de 2014: Billy Pappas

Por: 09/10/2014

William Pappaconstinou – mais conhecido como Billy Pappas – é uma lenda de outro jogo tentando deixar seu nome no poker

Billy Pappas – apelido do jogador William Constantinou – é um dos mais respeitados jogadores neste November Nine, a famosa mesa final do Main Event da WSOP. Mas por um jogo totalmente diferente do poker.

Nos Estados Unidos, Billy Pappas é conhecido por ser um dos maiores jogadores de totó/pebolim, sendo campeão mundial do jogo nada menos do que 12 vezes. Agora, ele quer deixar sua marca em um jogo com muito mais prestígio e dinheiro.

Billy Pappas

Origens

Billy Pappas tem a competição no sangue, sendo filho de um jogador profissional de golfe, Bill Pappas, que também é  dono de uma conhecida escola de golfe em seu estado natal de Massachusetts. Mas apesar do golfe ser o ganha pão do pai, foi o totó, paixão da mãe, que se tornou o ganha pão do jovem Billy.

Ele começou a jogar aos 7 anos de idade e tornou-se profissional com apenas 12. Desde então, Billy Pappas já viajou todo o mundo em competições e hoje, após 12 título mundiai, é considerado o segundo melhor jogador do mundo.

Poker

Como não há muito dinheiro a ser feito no totó, Billy Pappas atualmente tem no poker sua profissão – mas não como seus outros oito adversários, todos jogadores profissionais. Ele é dealer na sala de poker de um cassino, e intercala o trabalho nas mesas com as competições.

Como jogador, ele nunca jogou em um evento com buy-ins mais caros que US$ 500. Na verdade, Billy Pappas só participou do Main Event da WSOP por puro acaso. Estava se preparando para um campeonato de totó na Áustria, que pagava US$ 6.000 ao campeão, quando um amigo do totó se ofereceu para pagar seu buy-in da WSOP.

Seu momento decisivo no torneio foi no Dia 5, quando recebeu um par de 4 e quadruplicou seu stack. Já sua presença na mesa final foi definida por um par de reis que recebeu com apenas 12 jogadores restantes. “Logo antes da mesa final eu recebi par de reis contra ás e dama, foi aí que a ficha caiu.”

Preparação para o November Nine

Para a grande final em novembro, Billy Pappas está seguindo o caminho oposto de seus adversários ao dizer que não vai estudá-los ou contratar treinadores. “Isso me deixa menos intimidado. Quando alguém estava tentando me contar algo sobre um dos oponentes, eu dizia ‘eu não quero saber porque senão vou enlouquecer pensando em quão melhores que eu esses caras são no poker.”

“Se eu tentar planejar demais, vou enlouquecer. Vou tentar jogar um pouco em mesas short-handed, nunca joguei muito assim. Essa vai ser a parte mais difícil. Espero durar o bastante para ficar short handed na final”.

Se Billy Pappas realmente tem talento para o poker ou se é apenas um garoto de sorte, descobriremos em novembro. Mas até lá, você pode julgar suas habilidades na mesa em que ele realmente domina.


Conheça os November Nine de 2014: Jorryt van Hoof

Historiador por formação, conheceu o MaisEV em sua primeira semana de vida, ainda em 2007. Em pouco tempo, tornou-se editor-chefe do site para fazer o que faz de melhor: escrever.

Veja mais:

Salas de Poker