Live x Online – Dicas e Adaptações

Por: 27/10/2010

Grind: Sobre o online, como muitos grinders aqui sabe, o que te faz ser um grande vencedor é uma coisa que as vezes demoramos a aprender, qual seja, VOLUME. Tratando-se disso, nem há o que se dissertar a respeito, tendo em vista que diversos grinders online fazem 1,000 mãos ou até mais por hora, enquanto que no live temos que nos contentar com algo como 30 mãos/hora, as vezes nem isso.

Sobre o local: Bem, isso é o início de tudo, afinal, como você vai querer/jogar live se não há parceria? Embora já seja std hoje em dia, jogue obrigatoriamente em algum clube/casa COM DEALER, sem isso, o jogo vai ficar ocioso demais e vai ser literalmente uma merda ficar jogando, galera embaralhando devagar, falta de consenso nas regras e por aí vai.

Comodidades: Procure sempre jogar em lugares confortáveis. Uma época atrás costumava jogar $1/$2 com um pessoal toda semana, só que o game rolava em uma sociedade. Até aí sem problema nenhum, ocorre que por ser assim se perdia muito em conforto para o player. Na minha opinião o as comodidades do local são muito importantes para quem quer grindar e ficar até amanhecer jogando, portanto objetos como uma cadeira confortável, ar condicionado, uma tv (eu curto ficar olhando em quanto jogo para aliviar o tédio ) são coisas essenciais para maximizar o desempenho. Gosto muito de ter também café por perto, sendo que quase todos clubes tem, mas de qualquer jeito não use muita cafeína, pode prejudicar seu desempenho.

Field/Parceirada: Aí está um dos motivos de eu querer escrever esse tópico. Nesse contexto, justamente por estar jogando regularmente cash live novamente, vejo que o field pouco vem mudando ao longo do tempo, sendo que aqui no RS, em casa mesa de 9 players é raro encontrar mais que 1 reg, sendo que os “regs” que jogam são tudo donkey que sinceramente não batem nem nl2. Por ser live o jogo evolui MUITO, mas MUITO mais devagar que o online.

Modos/Educação: Grande parte dos clubes de hoje em dia tem muitos tiozões, diversos deles oriundos de outros jogos bem comuns para socializar, como por exemplo pife/canastra. Logo, é importante “se juntar ao ambiente”, isso vai fazer muita diferença para eles te darem action e principalmente para tu ser “brother” deles, sendo chamado regularmente para os games, principalmente privado. Puxe assunto com o “camarada”, dê risada junto, tome uma ceva/refri e socialize, por incrível que pareça isso é FUNDAMENTAL para se ter action. Sobre o dealer, mesmo se tomar aquela bad, tente evitar gritar ofensas ou algo do gênero, isso as vezes acaba criando problemas em alguns lugares.

Aparelhos Eletrônicos: Justamente pelo citado acima, fica bem lógico que o pessoal não curte muito quem senta na mesa e puxa notebook para ir grindando junto. Volto a dizer, grande parte do field é composto de pessoas que querem socializar e ficar jogando conversa for a, sendo este o motivo que muitos tiozões vão aos clubes, não sendo o objetivo principal forrar na noite. Justamente por isso, se coloque no lugar deles e pense se você gostaria de ver um gurizão sentando na mesa, ouvindo música o tempo todo e sem trocar basicamente nenhuma palavra. Nunca esqueça o respeito e não tire os tiozões para chinelos, normalmente quem tá ali perdendo 500, 1k, 5k ou 20k não tá nem aí para o lucro, quer mais é dar risada e perseguir as brocas “que sempre batem”, sendo bem sucedidos em outras coisas que não no game.

Bankroll: Em relação a live, até 5/5, acho soft um controle de bankroll entre 10~20bi, sendo que justamente pelo número de mãos absurdamente menor, isso é mais que o suficiente na minha opinião. Não me lembro a última vez que perdi mais de 2~3bi live, sendo que os únicos que perdem mais de 5 stacks regularmente são os que estão ali justamente para fazer isso.

Lucratividade: Aqui chegamos no principal ponto. Nos dias de hoje cada vez mais está cheio de grinders online, pessoal que joga 100+ mesas de sit por dia, 3,000+ mãos mais por dia, sendo esse um dos principais motivos da diminuição do lucro/roi. Analisando superficialmente, um grinder descente de NL200 faz hoje em dia algo com torno de 3pttb, sendo que live não contamos em ptbb, mas se fosse fazê-lo, poderia dizer com certeza que o grinder bom de 1/2 – 5/5 faz no longo prazo algo em torno de 50ptbb (ou aproximadamente 1 buy in a cada 100 mãos), o que após a adaptação, imo, torna o grind live muito mais rentável para quem não dispõe de grande tempo para jogar online, sendo que o field de uma 5/5 praticamente nunca é acima de uma nL10/NL25 (Diria que nem me lembro a última vez que eu vi alguém desconhecido em uma 5/5 que teria nível para bater uma NL25 online).

*Acho que já ficou bem grande o tópico, mas pelo que vi me pareceu bem útil para diversas pessoas que jogam/querem jogar live, novamente espero ter ajudado a galera!

Este artigo foi escrito pelo usuário do MaisEV Leonel Neves, e pode ser discutido neste tópico em nosso fórum.

Historiador por formação, conheceu o MaisEV em sua primeira semana de vida, ainda em 2007. Em pouco tempo, tornou-se editor-chefe do site para fazer o que faz de melhor: escrever.

Veja mais:

Salas de Poker