Estratégia Básica Para Sit and Go’s de 45 Jogadores

Por: 23/11/2012

Eu não acho que o jogo muda muito até você atingir os de $27, e os 45p são uma ótima forma de ter um ROI muito alto quando você está runnando hot, o que pode catapultar seu BR sem ter os swings de 180p. Swings no 45p acontecem, mas não são nem de perto tão brutais quanto os dos 180.

Buy-ins

Isso é completamente dependente da sua tolerância ao risco de quebrar. O Risco de Quebrar é a sua chance de perder seu BR. Se você não quer ter que redepositar, então provavelmente 50 BIs ou mais são necessários, mas acho que você pode jogar esses torneios com 30 BIs, pra subir de níveis rapidamente. Acho que já cheguei a jogar 10-15 torneios em seguida sem pegar ITM, o que pode ser extremamente frustrante, e me leva ao próximo ponto.

Volume

É absolutamente crítico colocar volume jogando esses torneios. Como disse antes, os swings podem ser brutais e, quanto mais mesas você joga, mais imune se torna a algumas coisas sicks que acontecem nas mesas. Também te ajuda a atingir o “longo prazo” mais rapidamente. Se você não consegue jogar 4 mesas por vez, precisa aprender.

Com sorte, você vai atingir o ponto no qual pode jogar de 6-8 mesas, onde é muito importante jogar extremamente tight no early game porque é muito difícil abrir muitas mãos marginais em muitas mesas. Obviamente, há pessoas que jogam muito mais que 6-8 mesas por vez, o que agora com as hotkeys fica facilitado. Entretanto, mesmo sem set up, Table Ninja ou hotkeys, dá pra jogar tranquilamente de 4-8 mesas. Até 12 ainda dá pra algumas pessoas.

HUDS

Se você tem PT ou HEM com um HUD, tem uma grande vantagem para as decisões de push ou fold no end game. Sei que há pessoas que dizem que stats não importam, mas quando você está jogando muitas mesas e chega em gap até você na SB com 8 BBs, você não quer shovar 26o num jogador 75/15 na BB. Entretanto, se o BB for 12/10, então você pode shovar com quaisquer cartas.

Estratégia

Blinds 10/20 e 15/30

1. Nossa estratégia básica será jogar ultra tight nos níveis iniciais. Isso se deve a uma série de razões;

2. Perder fichas afeta mais seu $EV do que o ganho de $EV quando você ganha fichas;

3. Nós temos um grande edge em aplicar uma estratégia adequada de push e reshove nesses torneios assim que chegamos no nível 50/100 com uma stack de 10-18 BBs, o que normalmente será o caso;

4. Muitos dos nossos oponentes estarão jogando MUITO mais mãos e pagando MUITO mais raises pré-flop. Isso significa que quando nós abrimos para 60 no HJ, há uma possibilidade real de sermos pagos por 3 ou 4 pessoas. Isso faz com que jogar mãos como KJs e ATo, entre outras, não seja lucrativo nesse momento;

5. FAÇA set mining. Não abra 3x ou 4x com 66 do UTG+1. Simplesmente dê limp e tente ver o flop o mais barato que puder. Sim, isso é facilmente explorado por bons jogadores, mas adivinhe só: você não está jogando contra eles. Dê limp com seus pares mesmo sendo o primeiro a entrar no pote no 10/20 e 15/30 de qualquer EP ou MP. Apesar disso, não consigo abrir a ação com limp se eu estiver no CO ou BTN;

6. Range de 3-bet. Eu costumo pagar com 22-TT e AQ, a não ser que seja um reg NIT abrindo, e aí eu foldo até AQ. AK e JJ+ estão no range de 3-bet, e esteja preparado para ir all-in pré-flop com eles;

7. AK. Essa mão tem um ponto estratégico específico, porque estamos jogando um número tão seleto de mãos nos níveis iniciais que temos que jogar AK corretamente:

Situações nas quais abrimos com AK e somos pagos nos níveis iniciais de blinds:

· 1 caller: C-bet 100% do tempo, independentemente do oponente ou textura do bordo;
· 2 callers: Ainda c-bet na maior parte do tempo, mas você não precisa c-betar em flops 789 ou monotone, que caem diretamente no range do vilão;
· 3+ callers: NÃO C-BET sem acertar sua mão com top pair ou mais.

Situações nas quais alguém abre para 60/80 e nós 3betamos para 225-250 com JJ+ e AK e o pote está HU:

· Se o vilão shovar sobre a nossa 3beet, apenas pague. Nunca foldaremos AK/JJ+ aqui. Eu sei que falei antes sobre fichas perdidas x fichas ganhas, mas AK simplesmente DETONA o range desses idiotas, que costumam fazer isso com qualquer lixo ou A-rag.

· Ele paga nossa 3bet e somos os primeiros a agir: c-bet 100% das vezes se HU. C-bet também 100% das vezes se atuamos depois.

· Basicamente, em potes de 3-bet, nós c-betaremos SEMPRE se o pote for HU. SE o pote for com 3 ou 4 pessoas, não dê c-bet se não quiser ir all-in ou saiba que há uma grande chance dos seus oponentes foldarem, o que é improvável.

Blinds 25/50
Stacks de aproximadamente 30 BBs

Não pague em posição, a não ser que seja set mining (esteja certo de estar recebendo as implied odds corretas). Se um cara com 750 fichas abre para 150, você não deve pagar com 44, mesmo se tiver posição.

Continue jogando muito tight. Não me importo de abrir um pouco o range em LP, abrindo com KJs, ATo e 66, mas não vamos ficar loose demais e abrir 40% das mãos do botão.

Quando flopar top pair ou mais num pote de raise que for HU, é muito difícil foldar. Por exemplo, stacks efetivas de 1500 fichas, e você abre para 150 fichas com AQ no HJ. BTN paga e as blinds foldam. Flop vem QhJs9h. Pote está em 375. Você beta 300, e ele faz tudo 750. Você não folda essas mãos. Abrace-as e vá all-in. Se perder, gg e registre-se em outro.

50/100

Basicamente, não abra com mãos com as quais não possa pagar um shove (A6 com 1600 fichas e você está no CO, BTN tem 1200, SB tem 1500 e BB tem 2000). Ser pago aqui realmente é chato por causa do tamanho inchado do pote, mas levar um all-in é pior, porque você é detonado pelo range de shove deles, e não pode foldar, porque o preço que está recebendo é bom, e foldar e perder aquela porcentagem da sua stack dói.

Outra coisa para esse nível é que você terá que aplicar resteals ou jogará contra stacks de resteal (13-20 BBs). Restealing aqui não é tão efetivo, a não ser que alguém de posição final que abra seja um cara ativo e tenha stack suficiente pra foldar. Muitos jogadores nos small stakes têm uma aversão enorme a foldar depois de terem subido pré-flop. Meus resteals são quase sempre por valor. Algo entre 88+ e AQ+ contra a maioria dos raises.

Se o raiser estiver em late position e for um jogador ATIVO, obviamente você pode abrir um pouco seu range (lembre-se, entretanto, que a maioria dos jogadores são passivos. Lembre-se de que esses raises provavelmente significam que eles gostam de suas mãos. Muitos players não têm o conceito de posição, e um raise de LP tem o mesmo range de que se estivesse no UTG).

75/150

Aqui é tipicamente a hora de shovar realmente light em LP se eu não tive sorte de dobrar minhas fichas. Se estiver entre 900-1200 fichas e chegar em GAP no botão, você pode shovar muito light. Blind vs Blind são os shoves mais eficazes. Além disso, shovar sobre dois limpers com duas broadways, Ax e pares, quando sua stack é entre 1400-1800, também é uma boa forma de ganhar fichas.

100/200 sem ante

Hora do shove! Quase todas as decisões nesse momento são por stacks, mesmo se você tem uma stack grande, por causa do tamanho de seus oponentes. Se você for sortudo de ter idiotas dando limp na sua mesa, reze para pegar algumas mãos decentes e shove sobre eles por valor. Entretanto, alguns vilões parecem estar mais aptos a fazer limp-calls péssimos nesse nível com mãos como A6o com 2000 fichas no começo da mão, ou até mesmo com 44, e por aí vai. Não superestime sua Fold Equity porque se você vem shovando com frequência nesse nível, pode ser pago por idiotas.

100/200 com ante

Eu shovo MUITO mais loose quando as antes entram, pois o pote está muito maior. Do UTG com 2000 fichas no 100/200 SEM antes, eu foldo A8o numa mesa 9-handed. Com as antes, pode valer à pena o shove. Já com as antes, shovo praticamente any2 de LP. Blind vs Blind, meu range é de 100%.

Outra coisa é que você não pode dar aos jogadores ruins a ilusão de que vai foldar se eles shovarem por cima de você, a não ser que queira isso.
Por exemplo, se chegar em gap e você estiver no botão com 4500 fichas. O SB tem 1800 e o BB tem 2000. Não aumente pra 500 aqui com mãos cujo shove é lucrativo, como KT, QJs e 66, enfie a paçoca.

Entretanto, se você tiver uma mão monstro como TT+ e AQ+, você pode subir pra 500 contra eles. Novamente, isso é facilmente explorado por bons jogadores, mas a maioria dos vilões aqui é ruim, e provavelmente não vai se ajustar adequadamente. Faça um raise menor e dê a eles a oportunidade de fazer um call ruim pré-flop ou shovar sobre você sem nenhuma fold equity.

UM BOM PRINCÍPIO É NUNCA DEIXAR SUA STACK CHEGAR A MENOS DE 3 BBs nesses sng. NUNCA. A partir do momento em que isso acontece, sua fold equity já era. All-ins de 5-7 BBs têm MUITO mais respeito aqui do que num MTT, porque representam uma porcentagem maior da stack dos vilões. Por exemplo, a mesa está 6-handed e você tem 1500 fichas no nível 100/200 com ante no UTG. Você sabe que as blinds vão subir pra 200/400 na próxima mão, o que vai destruir completamente sua FE. Assim, eu vou all-in com 100% do meu range nesse nível quando ainda pode ter o fold deles. Você ganha fichas e permite que, mesmo que tenha que foldar quando for BB e SB na próxima, você ainda terá um pouco de fichas para garantir alguns folds quando shovar.

200/400

Espero que você tenha um stack bom por aqui, mas muitas vezes você terá apenas 3-4k. Eu shovo com literalmente 100% aqui, ou quase isso quando chega em mim em gap e eu estou na SB, BTN e até mesmo no CO. Em geral, a mesa está short-handed nesse estágio. Os ranges de call deles são muito pequenos, e conseguir adicionar essas blinds e antes extras ajudam muito.

Obviamente há exceções para essa regra, e alguns jogadores vão pagar com range maior ou ficarão frustrados de tanto que você rouba e vão pagar com qualquer coisa. É por isso que é muito importante você ter noção da sua imagem e do quão frequentemente você vem dando push.

Quando você for all-in nesses spots, ASSEGURE-SE de que quem está na BB na qual você está shovando tem mais de 6-7 BBs. Quando eles chegam a 5 BBs ou menos, as pessoas têm uma tendência muito menor a largar na BB, e você precisa ter alguma força para shovar, pois a chance de ser pago é maior.

300/600: mesma coisa de antes.

Quando você é o chip leader, tem 25k, ou é o maior stack para agir, com algo em torno de 14k, você pode shovar de qualquer lugar se quem ainda tem que falar tem entre 6-8 BBs e há um short stack na mesa. Os calling ranges deles são muito menores, porque eles estão tentando subir na escala de premiação. Eu só faço isso quando eu tenho pelo menos o dobro das stacks deles.

400-800, 500/1k e acima, apenas prossiga usando a mesma estratégia.


Heads-up

Se os stacks efetivos estão entre 9-13 BBs e o vilão parece precisar de uma mão para te pagar (Ax ou par), então shove 100% das mãos.

Se os stacks efetivos estão menores que 8 bbs, é push/fold, obviamente.
Nas raras ocasiões nas quais vocês têm stacks efetivos de 15-20BBs ou mais, pode dar check fora de posição e, no caso dele dar check behind no flop, bete 100% do tempo no turn. Eles não vão dar call vezes suficientes. Você pode até mesmo aplicar essa estratégia contra um vilão tight-passive com 9-14 BBs efetivas. MAS CONHEÇA SEU VILÃO.

Conselho extra 1:

Como você pode ter notado, eu não fiquei muito tempo discutindo ranges de call contra shoves dos outros. Isso é porque acredito que os shoves deles signifiquem mãos reais na maior parte do tempo. Eles não entendem o quão loose deveriam estar shovando e, mais pra frente nos torneios, eles tendem a não pagar nos níveis 100/200 com antes e 200/400 tão loose quando deveriam também. Isso significa que há vezes nas quais vou foldar mãos pouco lucrativas para call, como Ax contra um shove de LP, porque eu sei que tenho um spot muito melhor shovando 100% do meu range quando chega em GAP e eu estou na SB ou numa posição final. Além disso, aplique um pouco de psicologia. É micro limits, o que significa que os caras não gostam de arriscar muito dinheiro, ou não têm muito dinheiro à disposição. Sim, há pessoas que não ligam, mas a maioria dos jogadores nesses limites valoriza muito mais o dinheiro do que nos limites maiores.

Conselho extra 2:

Acredito que algumas pessoas vão discordar, mas acho que é o correto. Vamos dizer que foi teve azar e perdeu um flip all-in e tem entre 1 e 2 BBs. Você claramente não tem fold equity. Então, a não ser que as antes estejam em jogo devorando sua stack, não há razão para paçocar essas últimas 2 blinds sem uma mão legítima antes de a BB chegar em você.

Acredito ser melhor esperar ser o BB e colocar o resto das suas fichas no meio com qualquer coisa que tiver. A razão para isso é que o número de pessoas que tendem a pagar shoves de 1-2 BBs nesses limites é muito grande. Você sempre terá 3, 4 ou mais callers. Mas quando você espera para o BB chegar, essas pessoas estão menos aptas a entrarem na mão com qualquer coisa e talvez você só vai jogar contra 1 ou 2 oponentes. Outra razão para preferir isso é que, em caso de você dobrar/triplicar nessa situação, na próxima mão você pode ter um perfeito blind x blind spot, e pode shovar se chegar em gap a você.

Sua outra boa opção com 1-1.5 BBs é, caso alguém suba antes de você, e você acredita que sua mão tenha pelo menos 35% de chances de ganhar, e os outros podem foldar, você deve pagar. Você está recebendo uma chance de triplicar (SB+BB= 1.5 BBs + suas 1.5 BBs + 1.5 BBs do raiser) no que pode ser um pote heads up. É o tipo de gambling que você não pode deixar passar, especialmente se as antes já estão em jogo, pois aí seu ganho será ainda maior em caso de vitória.

 

Artigo traduzido pelo usuário do MaisEV “luigibr”

Historiador por formação, conheceu o MaisEV em sua primeira semana de vida, ainda em 2007. Em pouco tempo, tornou-se editor-chefe do site para fazer o que faz de melhor: escrever.

Veja mais:

Salas de Poker