A Mentalidade Vencedora

Por: 07/04/2011

Eu não tenho essa resposta, por isso esse post vai ser mesmo para dividir o que eu penso com vocês e quem sabe a gente chega a uma resposta.

O mais comum é a gente apenas explicar isso com o talento natural e trabalho duro, mas o que seria esse talento natural? Pensando em esporte físico, o que faz um jogador ter uma característica que o torna diferente a ponto de se destacar mundialmente? Muito se explica pela genética, um top velocista do mundo nos 100 metros rasos só precisa ter um corpo que seja mais rápido que os outros e em condições iguais de treino, o melhor corpo vai ser sempre o mais rápido.

Mas e quando começa a entrar a parte mental na história? Partindo para o basquete, que eu posso opinar melhor, Michael Jordan foi sem dúvida o melhor jogador, porque pulava muito alto, porque era muito rápido, mas o que mais me impressionou no Jordan não foi apenas isso.

Existiram e existem jogadores que pulavam mais alto, corriam mais e eventualmente até pontuavam mais que ele. Pra mim uma das coisas que o diferenciava era a capacidade de decidir um jogo nos últimos segundos.

Ele não era o melhor arremessador do Chicago Bulls, mas a última bola quase sempre era dele e em uma situação dessa tanto faz se você acerta 10 em 10 arremessos sozinho, o que importa nesse momento é a capacidade de abstrair todos os fatores que fariam uma pessoa comum tremer as pernas e se concentrar única e exclusivamente no movimento correto de arremesso.

Ai a gente começa a falar em capacidade mental e entra na discussão de até onde o meio influencia o indivíduo e como a nossa vida nos moldou pra sermos o que somos atualmente.

É sabido que a configuração mental de um jogador vencedor no poker é diferente da média da população. São necessárias algumas características que principalmente na cultura brasileira não nos são ensinadas, quando não nos é ensinado o contrário do que é preciso pra ser um jogador vencedor. Então como um jogador de poker aprendeu o que precisa pra ser vencedor?

Talento natural pra mim é uma explicação muito simples, que além de não nos permitir debater, não dá a possibilidade de irmos adiante e eventualmente aprendermos alguma coisa que nos aproxime do topo de qualquer atividade que a gente escolha desenvolver.

Especificamente no poker, o que a gente pode fazer é observar, principalmente os jogadores diferentes. Chegamos a um ponto no poker que a diferença entre um jogador médio e um jogador top diminuiu bastante e pequenos detalhes fazem uma diferença muito grande. Tanto que uma das ferramentas que eu tenho usado recentemente pra evoluir como jogador é a observação. Jogadores como Kovalski, Goffi, Xicon, Akkari mostram a todo o momento que o jogo está muito além de floating e 4bet light. Confiança, perseverança, tranquilidade, equilíbrio, atitude positiva são alguns dos talentos que esses jogadores possuem que os tornam diferentes dos demais.

Como eu disse no começo, tenho mais perguntas que respostas, mas algo que consigo concluir é que um talento físico realmente pode ser único e impossível de ser igual, mas um talento mental ainda me parece possível de ser treinado. Pode dar muito trabalho e às vezes requer mudanças drásticas, principalmente nas idéias. Às vezes ficamos tão imersos nas nossas certezas que parece inimaginável abrir a cabeça pra outras formas de ver.

O que me parece ser igual pra todos os vencedores, não só no poker mas na vida, é a capacidade de abrir a cabeça para novas idéias.


Veja mais:

Salas de Poker