A Evolução de Um Jogador de Poker

Por: 23/10/2010

 

Embora existam muitas maneiras de tentar descobrir o jogo, incluindo os sonhos de querer tornar-se o próximo Chris Moneymaker com um grande problema de peso a conseguir sete dígitos, existem canais específicos para procurar para educar-se sobre o poker. Depois de muitos de vocês encontrarem o poker e decidirem que querem melhorar, você escolhe um livro de poker em sua livraria local. Este livro foi, com toda probabilidade, terrível (com exceção do Super System), mas ainda assim parte integrante da sua carreira de poker. Você aprendeu sobre pot odds, ou como conseguir uma aposta extra com dois pares jogando 3-6 limit, onde a única pessoa que pode vencer o rake nesse jogo é Jerry Yang. Conceitos básicos, mas bastante importantes, no entanto. Através desses livros, você aprendeu a jogar tight. Tight estava certo. Funcionou. Você deve ter ganho algum dinheiro em jogos em casa ou online – parecia bastante simples, ninguém mais estava dando fold o suficiente, portanto, foldando bastante e jogando apenas mãos fortes, você teria uma vantagem.

Se você realmente teve mais fome, você pesquisou no Google por artigos de poker, ou leu trechos de Phil Hellmuth e Daniel Negreanu de seus sites. Para mim, Daniel Negreanu foi meu professor mais importante antes que eu tivesse qualquer qualidade no poker. Ele foi um dos poucos que há 3 ou 4 anos atrás, que realmente passou por algum processo de pensamento bastante aberto, e eu me beneficiei muito de saber como ele pensava. Até hoje, eu acredito que, se/quando eu jogo com DN, eu vou ter uma vantagem enorme recordando o seu processo de pensamento das mãos que eio e releio de novo no dia (sem ele saber a informação que eu estou usando). Este tipo de coisas que vão ajudar o jogador mediano, e podem até ajudá-lo a ganhar low-stakes online NL, ou mesmo torneios, mas não são o suficiente para ganhar online. Desta maneira, você alcança o primeiro marco em sua carreira de poker.

Etapa # 1: O poker não é jogado dentro de uma caixa, se quiser superar o os fatores do mundo, você precisará aprender a pensar fora dela.

A partir desse ponto você começa a pensar em outras coisas além de suas cartas. Você percebe que as outras pessoas também têm cartas! E se você pudesse descobrir o que eles têm? Um novo conceito, de fato, e um com o qual muitos jogadores ainda não entraram em contato. O segundo e terceiro nível de pensamento entram em cena, e você ficar animado com o  poker. Você percebe que existem muitos tipos de jogadores, e você deve tentar cobrir a forma de jogar deles (tight em jogos loose, loose em jogos tight) em vez de impor seu impressionante desejo de foldar em um jogo já nitty, ou espirrando em volta com pares e draws quando ninguém está foldando segundo par de qualquer jeito em qualquer aposta.

Você aprende sobre a namorada de Gabe, Shania – Não posso fazer nada, desde que eu equilibre! É provável que supervalorize o equilíbrio, que com o tempo você vai aprender a desvalorizar, e então voltar a valorizar bastante novamente.

É nessa hora que a maioria de nós aprende como jogar LAG também. Quando você aprende as nuances de jogar solto e agressivo e os efeitos de sua imagem na mesa, você é levado a um mundo totalmente novo no poker. Tudo tem aparência e gosto diferente do que era antes. De repente, você está procurando fatiar um tipo diferente de fish – um TAGfish, especificamente. Você percebe que sua imagem pode influenciar outros a fazerem jogadas horríveis. Inferno, todos nós vemos como as pessoas jogam mal contra Poly Baller. Você aprende a jogar draws super rápido – a qualquer momento você pode conseguir ir all-in com mais outs do que você tem dedos em uma mão, você fez tudo certo! Olá fold equity! Toda vez que eu for all in, eu vou estar tipo ‘fold equity, fold equity, fold-equity’ – é um canto para os deuses do poker.

Você faz esta transição de novo e de novo outra vez. Você fica agressivo, fica tight, fica loose, fica tight, fica loose, fica tight. As pessoas mudam seu estilo ideal com base no que é “sexy” no momento e, eventualmente, se acertam ao que se encaixa à sua personalidade. Quando você está loose e perde, você culpa as pontas soltas do loose. Quando você está tight e perde, você reclama sobre não ter ação suficiente. O cérebro humano é constantemente auto-condicionado a ser orientado a resultados e duvida de qualquer coisa que não funcione na mesma hora. Provavelmente vamos voltar a rever esta transição mais tarde em nossas carreiras de poker.

Uma nota sobre descobrir o jogo LAG. É nesse momento que Grimmstar disparou a partir da evolução normal de um jogador de poker. Ele foi em frente a partir desta primeira etapa, atrofiando seu crescimento no poker, e tornando-se um terrível, terrível jogador de high stakes. O homem queimou cerca de um milhão de dólares, história verdadeira. Há outros exemplos sobre os jogadores que obtiveram sucesso, por exemplo, eu acho que cts e jman tiveram praticamente sucesso instantâneo em stakes mais altos. Eles tiveram sorte suficiente para subir e seguir bem, mas com sensatez suficiente para aprender ao longo do caminho. Se você tiver sorte o suficiente para seguir bem em 25-50 e continuar a fazer perguntas, estudar a teoria do jogo, e estar aberto a descer toda vez que se der mal – então você é obviamente inteligente o suficiente para “aprender durante o vôo” e descobrir outros marcos de sua carreira de poker a medida que eles chegam.

Muitas vezes, o período anterior à próxima etapa é caracterizada por uma grande humilhação nas mesas de poker. Downswings por jogar muito ousadamente e ser esmagado por regulares o levará à queda de confiança. Normalmente um tiro sai errado ou você simplesmente começa a experimentar extrema variância, tendo 50 buy-ins abaixo da expectativa por meses, talvez. Isso tudo leva você a reequipar seu jogo, e esperançosamente, ter esta epifania.

Etapa # 2: Jogar a mão da maneira mais ousada não significa necessariamente fazer mais dinheiro.

Este foi de longe o conceito mais difícil para eu entender. Passei a maior parte do ano me preocupando sobre o quão loose e agressivo eu poderia jogar, e verificando o tamanho do meu pênis toda vez que eu mostrava um blefe. Não tenho certeza em que ponto eu cheguei a entender que você poderia jogar o básico e ser extremamente bem sucedido. Acho que poderia pensar em alguns exemplos … Lembro-me de uma vez eu estava tentando uns tirinhos em 25-50 com um amigo tomando parte da minha ação (provavelmente um quarto). Eu estava jogando direto, e após cerca de 50 mãos, eu estava olhando para meu tracker e dizia que este jogador era tipo 15/12 preflop … Eu não vou falar quem ele era, mas perguntei a um dos meus amigos que jogou high stakes – e ele disse que esse cara é o melhor jogador de 25-50 na internet. Como ele pode ser o melhor jogando 15/12? Isso me deixou perplexo.

Por aqui você vai aprender uma lição muito valiosa, que agressão pós-flop não é o mesmo que a agressão pré-flop, e embora elas estejam inevitavelmente relacionadas, elas não são um produto direto uma da outra. Algumas pessoas gostam de ser LAG no pre-flop, e então um flop c-bet é o mais longe que irão em sua agressão sensata. Eles são fáceis de dar float, fáceis de bluff-raise, fáceis de 3-bet pré-flop. Em geral, a sua agressividade inicial é forte, mas sua agressividade indireta é rudimentar.

(Agressão direta vs indireta: Eu tenho usado estes termos com meus amigos já faz um tempo, mas eu só percebi que não seria linguagem padrão aqui. Agressão direta é, basicamente apostar com antecedência, muitos c-bets e obviamente second barrels; agressão indireta é basicamente armadilhas – turn check raises, river check raises, começando o turn sem iniciativa, etc. Alguns jogadores não têm absolutamente nenhuma agressão indireta, enquanto eu tenho usado inteiramente demasiado dela durante maior parte da minha carreira de poker – antes da segunda etapa).

Independentemente disso, uma vez que você aprenda sobre estatísticas como WWSF e que  briga de cachorro por flops só serve para descobrir que ambos perderam, você terá verdadeiras batalhas com outros regulares. Um monte posts escritos no fórum, que dizem “dura batalha contra reg com história.”

Eu chamo de besteira.

A maioria de vocês são TAG 19/17 padrão e sua única “batalha” com regs são “zomg, uma vez ele me derrubou com um terceiro par – um ás pelado no river, mas ainda dava call!” Na maioria desses casos, é super normal, sem história real. A maioria de vocês não tem olhado o histórico. Lembro de alguns bons jogadores jogando uma mão meses atrás, onde eles tinham 4-bet no flop com KQ em J high dry. ESSA é uma mão com histórico. Um cara bet-call AQ high no river, essa é uma mão com histórico. A maioria do que vocês caras jogam é só porcaria, agressão óbvia, sem ofensa.

Assim que eu aprendi como poderia jogar relativamente certinho e a adicionar alguns truques na manga (quando sua imagem garante que você escape com eles) eu instantaneamente me tornei um jogador melhor. Se vocês não se formaram de toda a fase de sua carreira “o MaisEV diz que eu devo ser cheio de truques no agro”, espero que achem esta seção anterior muito reveladora. A próxima etapa, no entanto, é de longe a mais importante em qualquer carreira de jogadores.

Etapa # 3: A percepção de que O PiorJogador é horrível no poker.

Ok, isso foi um pouco duro. Foi a maneira mais concisa de dizer isto: em algum ponto de sua carreira, você será humilhado. Se você atingir esse estágio, você provavelmente já deve ter sido humilhado muitas e muitas vezes. Existem, no entanto, os pontos onde você deve conquistar a confiança extrema. Momentos em que os céus se abrem para você e você está sendo comentado pelos próprios deuses do poker. Talvez quando você faça seu primeiro call sick ace high, ou blefa (ou 3-bet blefa) no river pela primeira vez com sucesso. Eventualmente, entretanto, você vai aprender que nem todo mundo no fórum é bom no poker. Você vai perceber que quantidade não é igual qualidade e que alta contagem de posts é algo mais em função do tédio do que sabedoria.

Aí é onde você tenta encontrar o seu nicho. Os grandes jogadores não são todos feitos da mesma matéria. A maioria de nós vem de diferentes origens e, portanto, utilizamos diferentes processos de pensamento. Você percebe que também tem uma opinião válida, e talvez você não concorde com alguém como Jason Strasser em uma mão, mas tudo bem, nem o durrrr! A questão é, nem todos podem jogar o mesmo, então neste momento de sua carreira de poker você ganha uma grande dose de confiança. Talvez você comece a postar na área de High Stakes mais regularmente, talvez a sua opinião seja bem recebida, por outro lado, se você chegar a esta etapa muito rápido, você precisa ter forte auto-confiança para sobreviver. Eu tenho tentado superar esse ponto já faz anos. Na maior parte das vezes, eu era humilhado por jogadores que eram melhores do que eu (na época, e ainda hoje) por postar em High Stakes. Eu não tinha experiência, mas tinha ambição. Se você tiver couro grosso e uma mente aberta, esta pode ser uma forte experiência de aprendizagem. Se não, pode destruir sua confiança o suficiente para induzi-lo a desistir do jogo.

Este é o marco onde a maioria das pessoas em Medium Stakes lutam – a maioria de fato, pode jamais conquistar esta etapa. A maioria vai encontrar o grinding de Medium Stakes satisfatório o suficiente.

(Nota: ler isto não significa que você superou a terceira etapa, você tem que perceber por si mesmo)

Quando perceber que todo mundo é uma porcaria, você vai começar a ver isso por toda parte. Na verdade, existem jogadores vencedores 10-20 e 25-50, regulares, que são muito ruins. Eles fazem a maioria das coisas tão bem quanto um jogador de 3-6, mas seleciona o jogo como um jogador de 100-200, talvez. Ver para crer. Talvez esses caras não sejam tão bons!

Você vê certos jogadores jogando muitas horas de high stakes – ele deve ser bom!
Você vê o SharkScope de Dario Mineri – ele deve ser bom!
Você vê os braceletes de Phil Hellmuth – ele deve ser bom!

Se você conseguir superar estas três afirmações, suas chances de sucesso no poker vão aumentar exponencialmente.

O marco final é aquele que só recentemente eu vim a descobrir.

Etapa # 4: Há mais na vida além do poker.

Uma declaração mais verdadeira jamais poderia ter sido escrita. Durante quase todo este processo de maturação, a maioria de nós que se esforçam para “ser melhor” era obcecado em algum grau. Eu sei que você sentou-se na aula da faculdade, não leu os capítulos marcados da noite anterior, e fez problemas de matemática com taxas de vitória e tentou descobrir quanto dinheiro você ia fazer naquela semana, este mês, e no ano. Eu sei que se você levou um tempo para aprender cálculos de equidade que você martelou na álgebra e entendeu quanta fold equity você necessitaria pré-flop para fazer 4-bet shove Ax em uma batalha Blind vs Blind. Eu sei que você ignorou a sua aula de química das 08:00 porque você foi até 06:00 se libertando.

Nós todos sabemos disso.

Este é o momento quando você percebe que existe um certo ponto de esgotamento no jogo, e para atingir o sucesso máximo você precisa jogar mãos de qualidade e não uma quantidade mínima. Aqui é onde você vai diminuir o número de mesas que você joga e aumentar suas leituras sobre os regulares do jogo. Muitos usam esse marco para melhorar sua vida social, passar mais tempo com sua família, aumentar sua disciplina de exercício. O fato é que muitos de nós vivemos insalubres, utilizamos todo o tempo que costumávamos usar com a família e com exercícios, sentados em frente a um computador e lendo um site idiota com engenhosos postadores como eu. Quanto mais endorfina você liberar através de exercício ou sexo ou algo assim, melhores são as decisões que fará. O fato é que neste site, nesses fóruns, eles se sentem como uma fraternidade – nós rimos juntos na alegria, e lamentamos juntos na incerteza.

Deixe para trás a internet, deixe para trás o 45/12 a sua direita, e melhore sua vida. Somente fazendo isso você irá sempre se aprimorar.

Em resumo, muitos de nós circularão entre loose-agressive e estratégia básica. Vamos repetir este ciclo muitas vezes até atingirmos um feliz meio-termo.  Vamos ter uma segunda opinião sobre este meio-termo, porque vai estar errado. Vamos mudar os estilos de novo, duvidar de nós mesmos, porque mais uma vez vamos estar errados. Vamos repetir este processo várias vezes. O melhor é encontrar seu nicho, o melhor é compreender o seu lugar no universo do poker.

Artigo originalmente publicado no fórum norte-americano Two Plus Two por “aejones.”

Historiador por formação, conheceu o MaisEV em sua primeira semana de vida, ainda em 2007. Em pouco tempo, tornou-se editor-chefe do site para fazer o que faz de melhor: escrever.

Veja mais:

Salas de Poker